Foto - Breno Esaki/Agência Saúde
Foto - Breno Esaki/Agência Saúde

Covid-19: Brasil registra 2.723 mortes e 85 mil novos casos em 24 horas

Total de casos chega a 17,1 milhões, com 479,5 mil óbitos pela Covid-19


Em apenas 24 horas, o Brasil registrou  2.723 mortes pela Covid-19 e 85.748 novos casos de infecção. Com isso, o total de óbitos pela doença é de 479.515, com 17.122.877 casos acumulados, desde o início da pandemia. Os dados foram compilados ao final do dia 9 de junho pelo Ministério da Saúde, com informações fornecidas pelas secretarias estaduais de Saúde.

Do total de casos, 15.596.816 pessoas já se recuperaram e 1.046.546 estão em acompanhamento médico. Outras 3.888 mortes estão em investigação sob suspeita de Covid-19.

Estudo mostra que Brasil teve 211 mil mortes a mais do que o esperado para o começo de 2021

Pesquisa da UFV acompanha e prevê a disseminação da Covid-19 no país

São Paulo é o estado com maior número de óbitos (115.960), seguido por Rio de Janeiro (52.094), Minas Gerais (42.000) e Rio Grande do Sul (29.218). Em número de casos, São Paulo também lidera (3.382.448), seguido por Minas Gerais (1.646.104), Paraná (1.132.325) e Rio Grande do Sul (1.131.669).

Os dados são atualizados diariamente na plataforma Localiza SUS.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Em apenas 24 horas, o Brasil registrou  2.723 mortes pela Covid-19 e mais de 85 mil novos casos de infecção. Com isso, o total de óbitos pela doença é de 479 mil pessoas, com 17,1 milhões de casos acumulados, desde o início da pandemia. Os dados foram compilados ao final do dia 9 de junho pelo Ministério da Saúde.

Do total de casos, mais de 15,5 milhões de pessoas já se recuperaram e um milhão estão em acompanhamento médico. 

São Paulo é o estado com maior número de óbitos, com 115 mil mortes pela Covid-19, seguido pelo Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Em número de casos, São Paulo também lidera, com mais de 3 milhões de infectados, seguido por Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul.

Os dados são atualizados diariamente no site susanalitico.saude.gov.br.

Reportagem, Paloma Custódio