Foto: Arquivo/Agência Brasil
Foto: Arquivo/Agência Brasil

Seis cidades do Nordeste sofrem com estiagem

Defesa Civil Nacional reconhece situação de emergência


O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), reconheceu nesta quarta-feira (1º) a situação de emergência em seis cidades da região Nordeste atingidas pela estiagem.
Quatro delas estão na Bahia: Iuiú, Nova Soure, Teofilândia e Uauá. As outras duas são Antônio Martins, no Rio Grande do Norte, e Gracho Cardoso, em Sergipe. 

Com o reconhecimento federal da situação de emergência, os gestores desses municípios podem solicitar auxílio financeiro ao MDR. O coronel Alexandre Lucas, secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, explica como os recursos podem ser utilizados.

“Os recursos da Defesa Civil Nacional podem ser empregados de três formas: socorro da população afetada, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de infraestruturas danificadas pelo desastre.”

As solicitações de reconhecimento de situação de emergência e de repasse de recursos devem ser feitas pelo Sistema Integrado de Informações sobre Desastres, o S2iD. A ferramenta pode ser acessada em s2id.mi.gov.br.

Para saber mais sobre as ações do Ministério do Desenvolvimento Regional em Proteção e Defesa Civil, acesse mdr.gov.br.  

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, reconheceu nesta quarta-feira, 1º de dezembro, a situação de emergência em seis cidades da região Nordeste atingidas pela estiagem.

Quatro delas estão na Bahia: Iuiú, Nova Soure, Teofilândia e Uauá. As outras duas são Antônio Martins, no Rio Grande do Norte, e Gracho Cardoso, em Sergipe. 

Com o reconhecimento federal da situação de emergência, os gestores desses municípios podem solicitar auxílio financeiro ao MDR. O coronel Alexandre Lucas, secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, explica como os recursos podem ser utilizados.

TEC./SONORA: Alexandre Lucas, secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil

“Os recursos da Defesa Civil Nacional podem ser empregados de três formas: socorro da população afetada, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de infraestruturas danificadas pelo desastre.” 

LOC.: As solicitações de reconhecimento de situação de emergência e de repasse de recursos devem ser feitas pelo Sistema Integrado de Informações sobre Desastres, o S2iD. A ferramenta pode ser acessada em s2id.mi.gov.br.

Para saber mais sobre as ações do Ministério do Desenvolvimento Regional em Proteção e Defesa Civil, acesse mdr.gov.br.  

Reportagem, Manuela Rolim