Foto: Arquivo/Agência Brasil
Foto: Arquivo/Agência Brasil

Prazo para preenchimento do SNIS encerra no fim do mês

Informações devem ser preenchidas corretamente para municípios terem acesso a recursos


O prazo para o preenchimento do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) encerra no próximo 31 de maio. As informações devem ser preenchidas separadamente pelos temas água e esgoto, resíduos sólidos e águas pluviais. No próprio site do SNIS, há um manual que traz orientações aos gestores sobre como realizar esse procedimento.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) destaca a importância de preencher corretamente as informações, pois somente assim os municípios podem acessar recursos federais do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e da Fundação Nacional do Saneamento (Funasa) para melhorias na gestão dos serviços públicos de saneamento.

AL: municípios podem aderir às Unidades Regionais de Saneamento Básico

Governo destina R$ 72,7 milhões para saneamento em 14 estados e DF

No mês passado, o MDR participou de uma live promovida pelo Instituto Água e Terra para ressaltar a importância do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento e orientar os gestores quanto ao seu preenchimento correto. O evento ainda pode ser encontrado no canal do Portal Sedest no YouTube.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O prazo para o preenchimento do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS) encerra no próximo 31 de maio. As informações devem ser preenchidas separadamente pelos temas água e esgoto, resíduos sólidos e águas pluviais. No próprio site do SNIS, há um manual que traz orientações aos gestores sobre como realizar esse procedimento.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) destaca a importância de preencher corretamente as informações, pois somente assim os municípios podem acessar recursos federais do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e da Fundação Nacional do Saneamento (Funasa) para melhorias na gestão dos serviços públicos de saneamento.

No mês passado, o MDR participou de uma live promovida pelo Instituto Água e Terra para ressaltar a importância do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento e orientar os gestores quanto ao seu preenchimento correto. O evento ainda pode ser encontrado no canal do Portal Sedest no YouTube.

Reportagem, Poliana Fontenele