Foto: Via 040 / Divulgação
Foto: Via 040 / Divulgação

Dique de mina transborda e interrompe trânsito de veículos na BR-040, entre MG e RJ

Além da BR-040, outras rodovias estarão interditadas pelos próximos dias. É o caso da BR 230, em Cabedelo (PB), e as BRs 116, 290 e 471, todas no Rio Grande do Sul


Em Minas Gerais, o dique de uma mina transbordou por causa da forte chuva que atinge o estado e a lama fechou a BR-040, que liga a capital mineira ao Rio de Janeiro. O problema aconteceu depois que um dique da mina Pau Branco, do grupo Vallorec, em Nova Lima (MG), transbordou. De acordo com a empresa, a forte chuva dos últimos dias arrastou material sólido da pilha Cachoeirinha para o Dique Lisa, ocasionando o transbordamento.

Segundo o presidente da Fundação Estadual do Meio Ambiente, Renato Brandão, a desobstrução da via será feita após avaliação da área por profissionais que atuam na limpeza do local afetado.  

“A jusante dessa água tem uma outra lagoa, a qual entendemos que vai conter os materiais que escoaram para lá. E, está sendo feita avaliação da condição de estabilidade desse dique, e só depois dessa análise será possível iniciar o processo de limpeza da via, para que as equipes que fazem esse trabalho não tenham risco adicional colocado com eventual novo galgamento dessa estrutura”, explica.

Deslizamento de pedra deixa pelos menos cinco mortos em Capitólio (MG)

Kinross: o sucesso da “mão inglesa” nas operações

O inspetor Aristides Júnior, porta-voz da Polícia Rodoviária Federal, faz um alerta para quem deseja viajar neste período de chuva, e orienta que, se não for urgente, que essa viagem seja adiada para um período que ofereça menos riscos. 

“Estão surgindo problemas a todo instante em rodovias. Inclusive, esse é um agravante até para indicação de rotas alternativas. Não há como indicar algum local com segurança para rotas alternativas, porque a chuva está acontecendo em todo o estado, e a todo momento recebemos informações de interdições, tanto em rodovias federais quanto estaduais”, destaca. 

Outras vias interditadas

A partir de segunda-feira (10), um trecho da BR-230, em Cabedelo (PB) será interditado. De acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), será fechado o acesso lateral (fechamento da agulha) entre a marginal direita e a pista principal da BR-230/PB, km 4,6, imediações do Viaduto em Camboinha.

A medida será adotada para promover segurança viária em continuidade aos serviços das obras de adequação no segmento. Motoristas que venham a trafegar pela via marginal direita, adjacente ao viaduto em Camboinha, passarão a ter acesso às pistas principais do lado direito da rodovia por meio do acesso situado logo mais à frente, nas imediações do km 5, onde atualmente encontra-se em operação retorno da BR-230 em Cabedelo/PB.

A autarquia também informou que trechos das BRs 116, 290 e 471, todas no Rio Grande do Sul, estarão interditadas até o próximo sábado, 15 de janeiro. A obstrução se dá devido a execução de serviços de manutenção. 

Os locais contam com sinalização para garantir a segurança e orientação aos usuários. Atenção ao sistema de “pare e siga” em diferentes pontos da BR-290. Em caso de chuva, os serviços de recuperação de pista serão adiados.
 

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O dique de uma mina transbordou em Minas Gerais e a lama fechou a BR-040, que liga Belo Horizonte ao Rio de Janeiro. O problema aconteceu por conta dos elevados volumes de chuva que atingem a região. 

Segundo o presidente da Fundação Estadual do Meio Ambiente, Renato Brandão, a desobstrução da via será feita após avaliação da área por profissionais que atuam na limpeza do local afetado.  
 

TEC./SONORA: Renato Brandão, presidente da Fundação Estadual do Meio Ambiente

“A jusante dessa área tem uma outra lagoa, a qual entendemos que vai conter os materiais que escoaram para lá. E, está sendo feita avaliação da condição de estabilidade desse dique, e só depois dessa análise será possível iniciar o processo de limpeza da via, para que as equipes que fazem esse trabalho não tenham risco adicional colocado com eventual novo galgamento dessa estrutura.”
 


LOC.: O inspetor Aristides Júnior, porta-voz da Polícia Rodoviária Federal, orienta a quem pretende viajar, que, se possível, adie o passeio para um período sem fortes chuvas.

TEC./SONORA: Aristides Júnior, inspetor da Polícia Rodoviária Federal

“Estão surgindo problemas a todo instante em rodovias. Inclusive, esse é um agravante até para indicação de rotas alternativas. Não há como indicar algum local com segurança para rotas alternativas, porque a chuva está acontecendo em todo o estado, e a todo momento recebemos informações de interdições, tanto em rodovias federais quanto estaduais.”
 


LOC.: No Brasil, outras vias estarão interditadas. É o caso de um trecho da BR-230, em Cabedelo (PB). A partir desta segunda-feira (10), será fechado o acesso lateral, entre a marginal direita e a pista principal da via. Condutores que venham a trafegar pela via marginal direita, adjacente ao viaduto em Camboinha, passarão a ter acesso às pistas principais do lado direito da rodovia por meio do acesso mais à frente, nas imediações do km 5.

Além dessa, trechos das BRs 116, 290 e 471, todas no Rio Grande do Sul, estarão interditadas até o próximo sábado (15). A obstrução se dá devido a execução de serviços de manutenção. 

Reportagem, Marquezan Araújo, com a narração de Paloma Custódio