Foto: Reprodução/Canal Dr. Ajuda
Foto: Reprodução/Canal Dr. Ajuda

Cisto de ovário: diferença entre maligno e benigno

A ginecologista dra. Denise Yanasse dará mais detalhes sobre este assunto


O Cisto é uma estrutura, que muitas vezes parece uma pequena bolinha, com líquido no seu interior. Isso é diferente de um nódulo, que tem uma estrutura com conteúdo sólido no seu interior. Na maioria das vezes esse cisto é identificado por exame de ultrassom e geralmente é benigno.

Cistos benignos do ovário:

  • Cisto folicular: cisto formado por um folículo, que nada mais é que o local onde o ovulo vai se desenvolver no ovário
  • Cisto de corpo lúteo: formado após a ovulação
  • Cisto hemorrágico: cisto com conteúdo de sangue, formado geralmente após a ovulação quando o rompimento ocorre muito próximo a um vaso sanguíneo
  • Cistos dermoides ou teratomas: são compostos de células germinativas e podem dar origem a qualquer parte do corpo, podendo ter no seu interior pedaços de dente, cabelo, pele...
  • Endometrioma: formado a partir da implantação de células endometriais no ovário, na endometriose

Quando suspeitar de um cisto maligno ou câncer de ovário, observar alguma características como presença de conteúdo sólido dentro do cisto, irregularidade, muitos vasos sanguíneos, presença de septos, dentre outras. Em especial as mulheres que tem fatores de risco para câncer de ovário como: idade (pós menopausa), antecedente de câncer de mama, familiar com câncer de ovário, mama, intestino grosso ou reto. Existem muitos tipos de cistos de ovário com comportamentos e evoluções diferentes. Se tiver um cisto de ovário, procure um médico ginecologista.

CONTEÚDO PARA EMISSORAS DE RÁDIO: Nesta edição, você pode utilizar três áudios sobre o tema:

  1. Benignos
  2. Maligno
  3. Outros cistos benignos

Para saber mais, assista ao vídeo do Dr. Ajuda sobre o assunto. 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.