Foto: Arquivo/PR
Foto: Arquivo/PR

Auxílio caminhoneiro: benefício começa a ser pago nesta terça-feira (9)

Profissionais da categoria vão receber seis parcelas de R$ 1 mil até dezembro de 2022


O auxílio caminhoneiro começa a ser pago nesta terça-feira (9), com o depósito da primeira e da segunda parcelas, referentes aos meses de julho e agosto, no total de R$ 2 mil. Ao todo, profissionais da categoria vão receber seis parcelas de R$ 1 mil até dezembro de 2022.

O Ministério do Trabalho e Previdência estima que, nesta primeira etapa, 190.861 caminhoneiros vão receber os valores referentes ao auxílio. O chamado Benefício Emergencial aos Transportadores Autônomos de Carga (Bem Caminhoneiro) é destinado aos transportadores autônomos de carga, com o objetivo de compensar os efeitos do aumento no preço dos combustíveis. 

Auxílio Gás começa a ser pago nesta terça-feira (9)

INSS alerta sobre golpe de bloqueio de pagamentos; veja como se prevenir

O conselheiro do Conselho Federal de Economia (Cofecon), Carlos Eduardo de Oliveira Jr., considera a medida relevante, dado o momento econômico do país que também afeta diretamente os profissionais dessa categoria. 

“De maneira geral, a sociedade passa por dificuldade e o caminhoneiro, por si só, também enfrenta as adversidades, principalmente com a elevação, nos últimos tempos, dos valores dos combustíveis e da manutenção dos veículos. Além disso, o valor dos fretes não é substancial, principalmente voltado para o caminhoneiro, que tem um custo elevado. Então, o auxílio vai ajudar nesse momento”, considera. 

Quem tem direito ao auxílio caminhoneiro?

Os transportadores autônomos de cargas devidamente cadastrados no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTR-C) até 31 de maio de 2022 têm direito aos recursos.

Os profissionais precisam estar com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o CPF válidos. O pagamento do valor total será realizado uma vez, independentemente do número de veículos que eles possuem.

Não há necessidade de apresentar comprovantes de compra de óleo diesel para ter direito. O benefício não será pago cumulativamente com o auxílio taxista.

Vale destacar que a categoria de MEI Caminhoneiro poderá receber o valor referente ao auxílio como transportador autônomo de cargas cadastrado no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTR-C). Esse registro, no entanto, deve ter sido feito até 31 de maio deste ano.

Como o benefício será pago?

O auxílio será pago via poupança social digital. A operação de depósito é feita pela Caixa Econômica Federal, por meio do aplicativo Caixa Tem.
Se os valores não forem movimentados no prazo de 90 dias, contados da data de depósito, retornarão para a União.

Para verificar a situação no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas, basta consultar o site da ANTT. A busca pode ser realizada a partir de informações do transportador, da localidade ou do veículo.
 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O auxílio caminhoneiro começa a ser pago nesta terça-feira (9), com o depósito da primeira e da segunda parcelas, referentes aos meses de julho e agosto, no total de 2 mil reais. Ao todo, profissionais da categoria vão receber seis parcelas de mil reais até dezembro de 2022.

O benefício é destinado aos transportadores autônomos de carga, com o objetivo de compensar os efeitos do aumento no preço dos combustíveis. O conselheiro do Conselho Federal de Economia (Cofecon), Carlos Eduardo de Oliveira Jr., considera a medida relevante, dado o momento econômico do país que também afeta diretamente os profissionais dessa categoria.
 

TEC./SONORA: Carlos Eduardo de Oliveira Jr., economista

“De maneira geral, a sociedade passa por dificuldade e o caminhoneiro, por si só, também enfrenta as adversidades, principalmente com a elevação, nos últimos tempos, dos valores dos combustíveis e da manutenção dos veículos. Além disso, o valor dos fretes não é substancial, principalmente voltado para o caminhoneiro, que tem um custo elevado. Então, o auxílio vai ajudar nesse momento.” 
 

LOC.: Para receber os valores, os transportadores autônomos de cargas precisam ter se cadastrado no Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas até 31 de maio de 2022. Além disso, é necessário estar com a Carteira Nacional de Habilitação e o CPF válidos. 

O auxílio vai ser pago via poupança social digital. A operação de depósito é feita pela Caixa Econômica Federal, por meio do aplicativo Caixa Tem. Se os valores não forem movimentados no prazo de 90 dias, contados da data de depósito, vão ser devolvidos para a União.

O Ministério do Trabalho e Previdência estima que, nesta primeira etapa, quase 191 mil caminhoneiros vão receber os valores referentes ao auxílio. 

Reportagem, Marquezan Araújo