Foto: Yan Krukov (Pexels)
Foto: Yan Krukov (Pexels)

Setor leiteiro vai ser beneficiado com novas medidas

Foram adotadas estratégias para evitar a descapitalização desse segmento e garantir o abastecimento do mercado


O Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou a contratação, até o dia 30 de junho deste ano e com recursos obrigatórios, de Financiamento para Garantia de Preços ao Produtor (FGPP) para beneficiamento ou industrialização de leite.

Google oferece cursos profissionais gratuitos para mulheres

Covid-19: estados e municípios poderão assumir a responsabilidade civil por efeitos adversos provocados pela vacina

O limite de crédito é de até R$ 65 milhões, com taxa de juros de 6% ao ano e prazo de reembolso de até 240 dias. Além disso, foi ampliado para dois anos o prazo de reembolso para contratação de crédito de custeio pecuário para retenção de matrizes bovinas de leite.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou a contratação, até o dia 30 de junho deste ano e com recursos obrigatórios, de Financiamento para Garantia de Preços ao Produtor (FGPP) para beneficiamento ou industrialização de leite.

O limite de crédito é de até R$ 65 milhões, com taxa de juros de 6% ao ano e prazo de reembolso de até 240 dias. Além disso, foi ampliado para dois anos o prazo de reembolso para contratação de crédito de custeio pecuário para retenção de matrizes bovinas de leite.