Agência Brasil
Agência Brasil

AM: governo abre chamada pública para adequação de propostas contempladas pela Lei Aldir Blanc

Medida estava prevista caso decretos estaduais e municipais de enfrentamento à pandemia pudessem prejudicar execução dos projetos beneficiados


O governo do Amazonas abre nesta segunda-feira (15) nova chamada pública para adequação das propostas contempladas nos editais Feliciano Lana e Encontro das Artes, da Lei Aldir Blanc. A adequação e reapresentação dos projetos estava prevista em casos de mudança nas medidas de enfrentamento à pandemia da Covid-19 por conta de decretos governamentais. 
 
O prazo para que os responsáveis pelos projetos contemplados façam as alterações é de cinco dias a partir da publicação da chamada pública no Portal da Cultura. O formulário para adequação está disponível em adequeacaodepropostas.cultura.am.gov.br
 
De acordo com o governo amazonense, todos os projetos contemplados podem ser executados até 16 de maio. A prestação de contas, por sua vez, até 31 de maio. Para mais informações, ligue no (92) 3232-5555. 

Nova campanha do Sebrae dá dicas para empresas de eventos culturais na retomada econômica

Alta ocupação de leitos evidencia colapso na saúde após um ano de pandemia

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O governo do Amazonas abre nesta segunda-feira (15) nova chamada pública para adequação das propostas contempladas nos editais Feliciano Lana e Encontro das Artes, da Lei Aldir Blanc. A adequação e reapresentação dos projetos estava prevista em casos de mudança nas medidas de enfrentamento à pandemia da Covid-19 por conta de decretos governamentais. 
 
O prazo para que os responsáveis pelos projetos contemplados façam as alterações é de cinco dias a partir da publicação da chamada pública no Portal da Cultura. O formulário para adequação está disponível em adequeacaodepropostas.cultura.am.gov.br. 
 
De acordo com o governo amazonense, todos os projetos contemplados podem ser executados até 16 de maio. A prestação de contas, por sua vez, até 31 de maio. Para mais informações, ligue no (92) 3232-5555. 
 
Reportagem, Felipe Moura.