Foto: Bruno Concha/Secom/Fotos Públicas
Foto: Bruno Concha/Secom/Fotos Públicas

SP: Secretaria convoca indígenas, crianças, mães e profissionais da saúde para vacinação contra a gripe

Objetivo é vacinar 90% de cada público até dia 10 de maio; apenas 991,2 mil compareceram aos postos


Profissionais de saúde, gestantes, mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias, indígenas, e crianças de seis meses a menores de seis anos foram convocados pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo para se vacinar contra a gripe nesta semana.

Vacina Gripe: pouca procura e estratégias diferentes nos municípios

Campanha de vacinação contra a gripe: saiba como vai funcionar

A cobertura vacinal no estado varia de 15,7% a 37,7% para os grupos dessa primeira fase da campanha. Das 5,5 milhões de pessoas que deveriam se vacinar, somente 991,2 mil compareceram aos postos até a última semana, sendo a maioria crianças. As doses estão disponíveis gratuitamente nos postos de saúde desde o dia 12 de abril e, para este público, até o dia 10 de maio.

Este ano a campanha de vacinação contra a gripe foi dividida em três etapas. A próxima começa no dia 11 de maio e incluirá os idosos e professores das redes pública e privada. Já a terceira etapa começa em 9 de junho, alcançando mais 5,1 milhões pessoas.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Profissionais de saúde, gestantes, mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias, indígenas, e crianças de seis meses a menores de seis anos foram convocados pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo para se vacinar contra a gripe nesta semana.

A cobertura vacinal no estado varia de 15,7% a 37,7% para os grupos dessa primeira fase da campanha. Das 5,5 milhões de pessoas que deveriam se vacinar, somente 991,2 mil compareceram aos postos até a última semana, sendo a maioria crianças. As doses estão disponíveis gratuitamente nos postos de saúde desde o dia 12 de abril e, para este público, até o dia 10 de maio.

Este ano a campanha de vacinação contra a gripe foi dividida em três etapas. A próxima começa no dia 11 de maio e incluirá os idosos e professores das redes pública e privada. Já a terceira etapa começa em 9 de junho, alcançando mais 5,1 milhões pessoas.

Reportagem, Larissa Lago