Foto: Defesa Civil/RS
Foto: Defesa Civil/RS

Rio Grande do Sul segue com tempo instável durante a semana

Durante a terça-feira (14), a instabilidade fica mais concentrada no norte do estado


O Rio Grande do Sul segue com tempo instável durante a semana. Segundo o meteorologista do Inmet, Marcelo Schneider, durante a terça-feira (14), a  instabilidade fica mais concentrada no norte do estado.

“A expectativa é que entre quarta e quinta-feira, as instabilidades ganhem força novamente, principalmente na metade norte do estado, no centro norte, divisa com Santa Catarina”, explica.

Schneider alerta sobre temporais que incluem granizo, chuvas intensas e rajadas de vento, com previsões de precipitações que podem ultrapassar 200 mm em algumas áreas. Essas condições climáticas podem causar transtornos significativos, como alagamentos e enchentes, especialmente em áreas urbanas devido ao elevado volume de chuva.

“Como o bloqueio dessa grande massa de ar quente na região central do Brasil, deixa as frentes frias estacionárias no centro-sul do estado, o tempo permanece instável nesses próximos dias, então a situação é de alerta em praticamente toda essa semana no estado gaúcho”, expõe.

As regiões com alerta laranja são sudoeste, noroeste, centro ocidental, metropolitana de Porto Alegre, sudeste, nordeste e centro oriental rio-grandense.

Recomendações:

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul recomenda que em dias de chuvas e tempestades, a população siga as seguintes recomendações:

  • Moradores de áreas de risco devem buscar locais seguros antecipadamente, como a casa de parentes ou contatar a prefeitura para auxílio. 
  • Recomenda-se que pessoas em áreas seguras fiquem em casa, longe de árvores, janelas e eletrodomésticos, e retirem animais de locais perigosos. 
  • Ao dirigir, se houver risco de alagamento, desligue o carro e procure abrigo seguro. 
  • Em inundações, fique atento ao nível da água e evite atravessar áreas inundadas. 

Em caso de dúvidas ou emergências contate a Defesa Civil pelo telefone 199 ou o Corpo de Bombeiros pelo 193. 
 

Veja Mais:

Calor extremo irá persistir durante a semana, alerta Inmet
Integração da NFC-e com a TEF será obrigatória no RS a partir de janeiro
 

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.:  O Rio Grande do Sul segue com tempo instável durante a semana. Segundo o meteorologista do Inmet, Marcelo Schneider, durante a terça-feira (14), a  instabilidade fica mais concentrada no norte do estado.

TEC./SONORA: Marcelo Schneider - Inmet

“A expectativa é que entre quarta e quinta-feira, as instabilidades ganhem força novamente, principalmente na metade norte do estado, no centro norte, divisa com Santa Catarina.”
 


LOC.: Schneider alerta sobre temporais que incluem granizo, chuvas intensas e rajadas de vento, com previsões de precipitações que podem ultrapassar 200 mm em algumas áreas. Essas condições climáticas podem causar transtornos significativos, como alagamentos e enchentes, especialmente em áreas urbanas devido ao elevado volume de chuva.
 

TEC./SONORA: Marcelo Schneider - Inmet

“Como o bloqueio dessa grande massa de ar quente na região central do Brasil, deixa as frentes frias estacionárias no centro-sul do estado, o tempo permanece instável nesses próximos dias, então a situação é de alerta em praticamente toda essa semana no estado gaúcho.”
 


LOC.: A Defesa Civil do Rio Grande do Sul orienta que, durante chuvas e tempestades, moradores de áreas de risco busquem abrigos seguros antecipadamente, enquanto aqueles em áreas seguras devem permanecer em casa, distantes de árvores, janelas e eletrodomésticos, e proteger seus animais. Ao dirigir em condições de alagamento, desligue o carro e procure um local seguro. Em situações de inundações, evite passar por áreas alagadas e mantenha-se alerta ao nível da água. Para dúvidas ou emergências, entre em contato com a Defesa Civil (199) ou o Corpo de Bombeiros (193).

Reportagem, Sophia Stein