Foto: divulgação/SESP
Foto: divulgação/SESP

PR: Disque Denúncia recebeu mais de 8.800 denúncias referentes a tráfico de drogas no primeiro semestre de 2023

No ranking dos crimes mais denunciados estão o tráfico de drogas, seguido por maus tratos de animais — e comércio ilegal, tráfico de armas de fogo e munições


No primeiro trimestre de 2023, cerca de 8.800 denúncias referentes ao tráfico de drogas foram efetuadas pelo Disque Denúncia 181, no Paraná. Em seguida estão os maus tratos de animais domésticos com aproximadamente 4.500 denúncias e o comércio ilegal e tráfico de armas de fogo e munições, com cerca de 2.200 denúncias.

O chefe do Centro Integrado de Denúncias, no Paraná, major Giuliano Freitas avalia que o Centro Integrado de Denúncias 181 do estado recebeu 24 mil contatos de denúncia —  e que essas tiveram respostas eficazes, como prisões e apreensões.

“As nossas forças de segurança tiveram êxito na prisão de 534 criminosos. Tiraram de circulação 58 armas de fogo e o principal número que nos trouxe o dado mais surpreendente pelo volume, pela quantidade, foram apreendidas mais de 3 toneladas de drogas em virtude das denúncias realizadas no 181”, afirma.

De acordo com o Centro Integrado de Denúncias, apenas em relação ao tráfico de drogas, o volume de entorpecentes apreendidos no primeiro semestre deste ano, a partir de denúncia por meio deste canal, cresceu quase 200% —  índice referente à diferença entre 1,075 tonelada de janeiro a junho de 2022 e as 3,2 toneladas neste ano. 

Ao considerar os casos notificados e não notificados, as autoridades de segurança do Paraná registraram, em 2023, o maior volume de apreensões de maconha para um primeiro semestre nos últimos 10 anos.

Para relatar crimes ou atividades suspeitas, você pode contatar o Centro Integrado de Denúncias 181 de forma anônima, ligando para o número 181 ou acessando o site do Disque Denúncia.

Veja Mais:

Sabesp faz mutirão para renegociação de dívidas com desconto de até 100%

Ranking divulga cidades e estados com mais atividades econômicas com dispensa de alvarás e licenças
 

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.:  No primeiro trimestre de 2023, no Paraná, cerca de 8.800 denúncias referentes ao tráfico de drogas foram efetuadas pelo Disque Denúncia 181. Em seguida estão os maus tratos de animais domésticos com aproximadamente 4.500 denúncias  — e o comércio ilegal e tráfico de armas de fogo e munições, com cerca de 2.200 denúncias.

O chefe do Centro Integrado de Denúncias, major Giuliano Freitas, avalia que o Centro Integrado de Denúncias 181 do Paraná recebeu 24 mil contatos de denúncias e que essas tiveram respostas eficazes como prisões e apreensões.
 

TEC./SONORA: major Giuliano Freitas - chefe do Centro Integrado de Denúncias

“As nossas forças de segurança tiveram êxito na prisão de 534 criminosos, tiraram de circulação 58 armas de fogo e o principal número que nos trouxe o dado mais surpreendente pelo volume, pela quantidade, foram apreendidas mais de 3 toneladas de drogas em virtude das denúncias realizadas no 181.”
 


LOC.: De acordo com o Centro Integrado de Denúncias, apenas em relação ao tráfico de drogas, o volume de entorpecentes apreendidos no primeiro semestre deste ano, a partir de denúncia por meio deste canal, cresceu quase 200% —  índice referente à diferença entre 1,075 tonelada de janeiro a junho de 2022 e as 3,2 toneladas neste ano. 

Para relatar crimes ou atividades suspeitas, você pode contatar o Centro Integrado de Denúncias 181 de forma anônima, ligando para o número 181 ou acessando o site do Disque Denúncia pelo www.denuncia181.pr.gov.br.

Reportagem, Sophia Stein