Foto: Divulgação/SECOM-PR
Foto: Divulgação/SECOM-PR

Fomento Paraná: linha de crédito oferece até R$ 500 mil para emissoras de Rádio e TV

As emissoras devem ser registradas na Anatel no Paraná com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões


O governo do Estado do Paraná anunciou, na última quarta-feira (22), o lançamento da linha de crédito Fomento Rádio. Criada pela Fomento Paraná, essa linha vai oferecer até R$ 500 mil para emissoras de rádio e TV paranaenses, registradas na Anatel, com faturamento anual de até R$ 4,8 milhões.

Heraldo Neves, diretor-presidente da Fomento Paraná, esclarece que o programa oferece taxas de juros de 1,03% ao mês para o Banco da Mulher e 1,18% para o Banco do Empreendedor. Ambos com prazos de pagamento de até 60 meses e possibilidade de carência de até 12 meses.

“Esse programa oferece investimentos limitados a R$ 500 mil, mas também oferecemos uma solução completa para as empresas acima de pequeno porte e também para as empresas que têm interesse em investir em importâncias maiores do que R$ 500 mil”, explica.

Para Neves, além de oferecer soluções de capital de giro para investimentos, o programa também proporciona condições de financiamento para soluções fotovoltaicas. O gestor destaca que estas opções têm taxas de juros reduzidas e prazos de pagamento ampliados.

Luciano Martins, gerente de mercado, considera a Fomento Paraná uma parceira "importante" da rádio e da televisão paranaense. Ele enfatiza que a instituição oferece linhas de financiamento específicas para aprimorar a tecnologia, adquirir equipamentos e melhorar o desempenho elétrico das emissoras, incluindo a construção de parques de energia solar ou eólica e aquisição de geradores para os interessados.

“Em média, as emissoras de rádio estão procurando financiamento na casa de R$ 280 mil, essa linha está sendo atendida por essa nova linha que a Fomento colocou. Então, fizemos cirurgicamente um pedido que o nosso setor já demonstrou através do censo, nós fomos buscar essa linha de crédito feita especialmente para nós, através do governo Ratinho Júnior e da fomento do Paraná”, avalia.

Como adquirir

Para contratar a nova linha de crédito da Fomento Paraná, emissoras de rádio podem se cadastrar diretamente no portal da instituição. Além disso, a Fomento Paraná conta com uma rede de correspondentes credenciados em todo o estado para auxiliar os empreendedores com orientações e a documentação necessária. 

Em Curitiba, também é possível ir até a sede da Fomento Paraná na Rua Comendador Araújo, 652.
 

Veja Mais:

Nota Paraná: contribuintes têm até o dia 30 para transferir os créditos para o pagamento ou abatimento do IPVA 2024
É preciso priorizar a indústria nacional como o foco do hidrogênio verde, afirma Abiquim
 

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Emissoras de rádio e TV paranaenses registradas na Anatel, podem contar com uma linha de crédito de até 500 mil reais, criada pela Fomento Paraná. Para ter acesso à linha de crédito, esses veículos devem ter faturamento anual de até R$ 4,8 milhões

O diretor-presidente da Fomento Heraldo Neves esclarece que o programa tem taxas de 1,03% ao mês para o Banco da Mulher e 1,18% para o Banco do Empreendedor, com prazos de até 60 meses e carência de até 12 meses.
 

TEC./SONORA: Heraldo Neves - Fomento Paraná

“Esse programa oferece investimentos limitados a R$ 500 mil reais, mas também oferecemos uma solução completa para as empresas acima de pequeno porte e também para as empresas que têm interesse em investir em importâncias maiores do que R$500 mil reais.”
 


LOC.: O gerente de Mercado Luciano Martins considera a Fomento Paraná uma parceira importante da rádio e da televisão paranaense. Ele enfatiza que a instituição oferece linhas de financiamento específicas para aprimorar a tecnologia, adquirir equipamentos e melhorar o desempenho elétrico das emissoras, incluindo a construção de parques de energia solar ou eólica e aquisição de geradores para os interessados.
 

TEC./SONORA: Luciano Martins - gerente de Mercado 

“Em média, as emissoras de rádio estão procurando financiamento na casa de R$ 280 mil, essa linha está sendo atendida por essa nova linha que a Fomento colocou. Então, fizemos cirurgicamente um pedido que o nosso setor já demonstrou através do censo, nós fomos buscar essa linha de crédito feita especialmente para nós, através do governo Ratinho Júnior e da fomento do Paraná.”
 


LOC.: Para contratar a nova linha de crédito da Fomento Paraná, emissoras de rádio podem se cadastrar diretamente no portal www.fomento.pr.gov.br. Além disso, a Fomento Paraná conta com uma rede de correspondentes credenciados em todo o estado para auxiliar os empreendedores com orientações e a documentação necessária. 

Em Curitiba, também é possível ir até a sede da Fomento Paraná na Rua Comendador Araújo, 652.

Reportagem, Sophia Stein