Foto: MDR
Foto: MDR

SÃO PAULO: Cinco municípios do estado irão receber R$ 563,4 mil para obras de saneamento

Recursos serão destinados a obras de esgotamento sanitário, saneamento integrado e manejo de águas pluviais


O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), vai repassar R$ 563,4 mil para a continuidade de obras de saneamento no estado de São Paulo. As intervenções vão ocorrer nos municípios de Campinas, Carapicuíba, Jaú, Santo André e Sorocaba. Ao todo, 42 mil famílias serão beneficiadas.

“Nós sabemos o benefício que o tratamento de água, de esgotos, a canalização adequada dos córregos propicia às cidades. Então, estamos fazendo todo o esforço para que não haja nenhuma interrupção do cronograma físico-financeiro dessas obras”, destaca o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. “Esperamos brevemente concluir essas obras e que elas sirvam à população”, completa.

O município de Jahu contará com R$ 207,9 mil para a realização da drenagem urbana sustentável nos Córregos dos Pires e da Figueira. Para Santo André serão destinados R$ 166,1 mil, que serão utilizados no saneamento integrado e na urbanização do Complexo Jardim Irene.

Para Campinas, serão repassados R$ 108,3 mil para a continuidade das obras de saneamento integrado na Bacia do Ribeirão Quilombo, onde será realizada a execução de canais e reservatório de amortecimento, esgotamento sanitário e pavimentação.

Já Sorocaba contará com R$ 16,6 mil para ampliação da capacidade de tratamento e melhoras da eficiência da estação de tratamento de esgoto – Sorocaba 1. Por fim, Carapicuíba irá dispor de R$ 64,4 mil na ampliação do sistema de esgotamento sanitário do município.
 
Além de São Paulo, nesta terça-feira, foram disponibilizados recursos para o Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Rio Grande do Norte, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe. O repasse total é de mais de R$ 17 milhões.

SANEAMENTO: Governo Federal lança segundo diagnóstico sobre serviços de drenagem e manejo de águas pluviais urbanas no Brasil

Governo Federal faz distinção a entidades que apoiam projetos de revitalização de bacias pelo País

Investimentos

Desde janeiro deste ano, R$ 102,1 milhões do Orçamento Geral da União (OGU) foram empenhados e R$ 121,6 milhões foram repassados pelo MDR para garantir a continuidade de empreendimentos de saneamento básico pelo País. Outros R$ 167 milhões foram pagos para financiamentos por meio do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e de outros fundos federais financiadores.

Atualmente, a carteira de obras e projetos da Pasta no setor – contratos ativos e empreendimentos em execução ou ainda não iniciados – é de 1.101 projetos, somando um total de R$ 42,22 bilhões, sendo R$ 25,18 bilhões de financiamentos e R$ 17,04 bilhões de OGU.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC: O Governo Federal vai repassar mais de 560 mil reais para a continuidade de obras de saneamento em cinco cidades do estado de São Paulo. Ao todo, cerca de 42 mil famílias serão beneficiadas. 

O município de Jahu contará com quase 210 mil reais para a drenagem urbana sustentável no Córrego dos Pires e no Córrego Figueira. 

Para Santo André, serão destinados mais de 165 mil reais, que serão utilizados no sistema de esgoto integrado e na urbanização do Complexo Jardim Irene. 

Para Campinas, serão repassados quase 110 mil reais para as obras de saneamento integrado na Bacia do Ribeirão Quilombo, com execução de canais e reservatório de amortecimento, esgotamento sanitário e pavimentação. 

Já Sorocaba contará com mais de 15 mil reais para ampliação da capacidade de tratamento e melhorias da eficiência da Estação de Tratamento de Esgoto Sorocaba 1. 

Por fim, Carapicuíba terá quase 65 mil reais para ampliação do sistema de esgotamento sanitário do município. 

Rogério Marinho, ministro do Desenvolvimento Regional, destaca a importância de se investir em saneamento básico. 

TEC./SONORA: Rogério Marinho, ministro do Desenvolvimento Regional

“Nós sabemos o benefício que o tratamento de água, de esgotos, a canalização adequada dos córregos propicia às cidades. Então, nós estamos fazendo todo o esforço para que não haja nenhuma interrupção do cronograma físico-financeiro dessas obras.”

LOC: Nesta terça-feira, o Governo Federal destinou, no total, mais de 17 milhões de reais para a continuidade de obras de saneamento no Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Rio Grande do Norte, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe e São Paulo. 

Para saber mais sobre as ações do Governo Federal em Saneamento Básico, acesse mdr.gov.br.

Reportagem, Manuela Rolim