Comércio - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Comércio - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Com indicadores em alta, governo de Alagoas renova decreto de combate à Covid-19

Alta taxa de ocupação de leitos de UTI para pacientes com coronavírus e número de óbitos motivam prorrogação das medidas por mais 15 dias


O governo de Alagoas renovou o decreto governamental de enfrentamento ao coronavírus por mais 15 dias. A prorrogação das medidas foi provocada pelo patamar alto em que se mantêm os principais indicadores da pandemia, como a ocupação de leitos de UTI e o número de óbitos.

Portanto, as mesmas regras do decreto anterior (nº 74.511) continuam em vigor. O funcionamento de estabelecimentos comerciais e o acesso a praias, rios e marinas seguem vedados aos fins de semana e feriados. Academias, clubes e centros de ginásticas permanecem fechados aos domingos e feriados, e a restrição de horário para circulação de pessoas continua mantida entre 05h e 20h, todos os dias.

Ministério da Saúde autoriza mais leitos de suporte pulmonar para 16 estados

Pesquisa da UFV acompanha e prevê a disseminação da Covid-19 no país

O cenário nas unidades hospitalares exige atenção. A taxa de ocupação de leitos de UTI exclusivos para Covid-19 permanece acima dos 92% há vários dias. Em paralelo, crescem também as taxas de óbito e transmissão.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O governo de Alagoas renovou o decreto governamental de enfrentamento ao coronavírus por mais 15 dias. A prorrogação das medidas foi provocada pelo patamar alto em que se mantêm os principais indicadores da pandemia, como a ocupação de leitos de UTI e o número de óbitos.

Portanto, as mesmas regras do decreto anterior (nº 74.511) continuam em vigor. O funcionamento de estabelecimentos comerciais e o acesso a praias, rios e marinas seguem vedados aos fins de semana e feriados. Academias, clubes e centros de ginásticas permanecem fechados aos domingos e feriados, e a restrição de horário para circulação de pessoas continua mantida entre 05h e 20h, todos os dias.

O cenário nas unidades hospitalares exige atenção. A taxa de ocupação de leitos de UTI exclusivos para Covid-19 permanece acima dos 92% há vários dias. Em paralelo, crescem também as taxas de óbito e transmissão.

Reportagem, Laísa Lopes