Leito - Foto: Prefeitura de Duque de Caxias
Leito - Foto: Prefeitura de Duque de Caxias

Saúde autoriza mais de 900 leitos de Suporte Ventilatório Pulmonar para 12 estados e DF

Medida reforça a rede hospitalar, Pronto Socorros e Unidades de Pronto Atendimento


O Ministério da Saúde autorizou, na segunda-feira (29), 919 leitos de Suporte Ventilatório Pulmonar (LSVP) para atendimento exclusivo aos pacientes confirmados ou com suspeita de covid-19, em caráter excepcional e temporário. Os leitos possuem estruturas mais simples que uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e devem receber pacientes que não estão em estado grave da doença, mas precisam de suporte de oxigênio. 

As autorizações são para o reforço da estrutura hospitalar em vários municípios nos estados do Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e o Distrito Federal.

A portaria foi publicada no dia 17 de março no Diário Oficial da União (DOU). O valor do repasse mensal será de mais de R$ 27,2 milhões.

O pedido de autorização para o custeio dos leitos covid-19 é feito pelas secretarias estaduais e municipais de saúde, que garantem a estrutura necessária para o funcionamento dessas unidades. Para a autorização, basta que estados e municípios cadastrem a solicitação na plataforma SAIPS observando os requisitos necessários. 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O Ministério da Saúde autorizou, na segunda-feira (29), 919 leitos de Suporte Ventilatório Pulmonar (LSVP) para atendimento exclusivo aos pacientes confirmados ou com suspeita de covid-19, em caráter excepcional e temporário. Os leitos possuem estruturas mais simples que uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e devem receber pacientes que não estão em estado grave da doença, mas precisam de suporte de oxigênio. 

As autorizações são para o reforço da estrutura hospitalar em vários municípios nos estados do Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e o Distrito Federal.

A portaria foi publicada no dia 17 de março no Diário Oficial da União (DOU). O valor do repasse mensal será de mais de R$ 27,2 milhões.

O pedido de autorização para o custeio dos leitos covid-19 é feito pelas secretarias estaduais e municipais de saúde, que garantem a estrutura necessária para o funcionamento dessas unidades. Para a autorização, basta que estados e municípios cadastrem a solicitação na plataforma SAIPS observando os requisitos necessários. 

Reportagem, Laísa Lopes