Rovena Rosa/Agência Brasil
Rovena Rosa/Agência Brasil

Novas unidades de medicamentos de intubação serão distribuídas pelo Ministério da Saúde

Nas próximas 48 horas, 864 mil unidades dos insumos serão distribuídas para os estados e Distrito Federal


O Ministério da Saúde irá distribuir mais 864 mil unidades de medicamentos de intubação orotraqueal (IOT). Os insumos foram adquiridos por pregões realizados pela pasta e também aquisições via Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). A previsão é de que os medicamentos cheguem às Unidades Federativas em até 48 horas, contando a partir desta quinta-feira (29).

A divisão de distribuição para os estados e Distrito Federal leva em conta o consumo médio mensal e os estoques dos medicamentos. Para realizar o monitoramento são realizadas reuniões três vezes por semana com todos os Conselhos estadual e municipal do SUS, além de representantes da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Brasil recebe 1 milhão de doses de vacinas da Pfizer nesta quinta-feira e Ministério da Saúde antecipa doses da AstraZeneca para maio

Governo lançará programa de testagem da população para Covid-19, diz ministro da Saúde

Somente em abril, foram distribuídos mais de 3,6 milhões de remédios para pacientes que estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), essa foi a maior distribuição mensal de medicamentos de intubação desde o início da pandemia.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O Ministério da Saúde irá distribuir mais 864 mil unidades de medicamentos de intubação orotraqueal (IOT). Os insumos foram adquiridos por pregões realizados pela pasta e também aquisições via Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). A previsão é de que os medicamentos cheguem às Unidades Federativas em até 48 horas, contando a partir desta quinta-feira (29).

A divisão de distribuição para os estados e Distrito Federal leva em conta o consumo médio mensal e os estoques dos medicamentos. Para realizar o monitoramento são realizadas reuniões três vezes por semana com todos os Conselhos estadual e municipal do SUS, além de representantes da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Somente em abril, foram distribuídos mais de 3,6 milhões de remédios para pacientes que estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI), essa foi a maior distribuição mensal de medicamentos de intubação desde o início da pandemia.

Reportagem, Poliana Fontenele