Wilson Dias/Agência Brasil
Wilson Dias/Agência Brasil

Brasil chega a 391,3 mil mortes em decorrência da Covid-19

Número de infectados alcançou 14,3 milhões de pessoas


O último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde mostra que o País chegou a 391,3 mil mortes em decorrência da Covid-19 e 14,3 milhões de pessoas que já tiveram contato com o vírus. 

Entre domingo e segunda-feira (26), foram confirmados 1.139 novos óbitos e 28.636 novos diagnósticos positivos. Amazonas, Roraima, Mato Grosso e Distrito Federal são as unidades da federação com as maiores taxas de mortalidade a cada 100 mil habitantes. 

Já a média de óbitos proporcionais dos últimos sete dias é liderada por Roraima, seguida por Espírito Santo, Goiás e Mato Grosso. Em números acumulados, os estados que registram mais mortes na pandemia de Covid-19 são São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná.

O Brasil segue sendo o país com mais vidas perdidas para a doença na média dos últimos dias, algo que acontece desde 12 de março, quando o país passou os números dos Estados Unidos. Em relação às doses da vacina contra o novo coronavírus já aplicadas na população, o Brasil ocupa a 9ª posição entre as nações que mais vacinaram, proporcionalmente. 

Quais cepas do coronavírus circulam pelo Brasil?

Covid-19: Saiba a forma correta de usar a máscara

Piauí adota medidas restritivas mais rígidas para conter a Covid-19

 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

O último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde mostra que o País chegou a 391,3 mil mortes em decorrência da Covid-19 e 14,3 milhões de pessoas que já tiveram contato com o vírus. 

Entre domingo e segunda-feira (26), foram confirmados 1.139 novos óbitos e 28.636 novos diagnósticos positivos. Amazonas, Roraima, Mato Grosso e Distrito Federal são as unidades da federação com as maiores taxas de mortalidade a cada 100 mil habitantes. 

Já a média de óbitos proporcionais dos últimos sete dias é liderada por Roraima, seguida por Espírito Santo, Goiás e Mato Grosso. Em números acumulados, os estados que registram mais mortes na pandemia de Covid-19 são São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná.

O Brasil segue sendo o país com mais vidas perdidas para a doença na média dos últimos dias, algo que acontece desde 12 de março, quando o país passou os números dos Estados Unidos. Em relação às doses da vacina contra o novo coronavírus já aplicadas na população, o Brasil ocupa a 9ª posição entre as nações que mais vacinaram, proporcionalmente.