Foto: Reprodução/Canal Dr. Ajuda
Foto: Reprodução/Canal Dr. Ajuda

Tipos de caspa e suas características

A dermatologista Dra. Leila Bloch dá mais detalhes sobre o que é a caspa.


Na medicina, a caspa é chamada de dermatite seborreica, uma condição muito comum do couro cabeludo, que não é contagiosa e que acomete até 40% da população mundial. A primeira informação que você deve saber é que existem diferentes tipos de caspa com formas diferentes de apresentação. Tem a dermatite seborreica ou caspa inflamatória, a oleosa e a descamativa.

Na inflamatória o que você irá notar é inflamação, em que o couro cabeludo está um pouco mais avermelhado. Na oleosa, o que você irá notar é uma oleosidade do couro cabeludo aumentada. Você pode perceber isso passando os dedos no couro cabeludo e observar se eles ficam com o aspecto brilhante ou mesmo um pouco mais engordurados. A caspa não tem sua causa completamente conhecida, e acontece por um desbalanço dos fungos que temos normalmente no couro cabeludo e por um aumento da produção de sebo pelas glândulas sebáceas que temos na cabeça, levando a inflamação, que se manifesta por um pouco de vermelhidão e, às vezes, coceira.

Apesar de não ter uma causa bem estabelecida, tem uma série de fatores que podem estar relacionados a presença da caspa:

  • Estresse
  • Lavar com água ou secar com o secador muito quente
  • Mudanças de estações (temperatura)
  • Doença neurológica ou HIV

Nem tudo o que ocorre no couro cabeludo é caspa, tem uma série de outras doenças que podem confundir o diagnóstico. Então, outras características que devem ser notadas são:

  • Se a área de acometimento do problema não ultrapassa o couro cabeludo. Quando isso ocorre é comum ser um outro problema como a Psoríase por exemplo. Deve notar ainda se não há pequenas áreas de pus no couro cabeludo semelhantes a espinhas que podem sugerir Foliculites. 
  • Presença de ardência ou qualquer outra alteração de sensibilidade do couro cabeludo que pode estar relacionado a Tricodinia
  • Reparar se está perdendo cabelo

Para ter o diagnóstico é necessária uma consulta com um profissional especializado. Se você possui alguns desses sintomas, não deixe de procurar um médico Dermatologista para fazer o diagnóstico correto e definir um tratamento individualizado para o seu caso.

ONTEÚDO PARA EMISSORAS DE RÁDIO: Nesta edição, você pode utilizar três áudios sobre o tema:

  1. O que é e tipos
  2. Causas
  3. Características

Para saber mais, assista ao vídeo do Dr. Ajuda sobre o assunto. 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.