Foto: Spencer Davis (Pixabay)
Foto: Spencer Davis (Pixabay)

São Paulo recebe mais de um milhão de vacinas prontas contra Covid-19

Uma remessa vinda da China chegou na noite dessa terça-feira (29) em Guarulhos


Um milhão de doses prontas de CoronaVac, vacina contra a Covid-19 da empresa chinesa Sinovac, chegou ao município de Guarulhos, em São Paulo, na noite desta terça-feira (29).

De acordo com o governador do estado, João Doria, com essas doses, o calendário de vacinação terá mais agilidade, já que a produção em São Paulo envolve diversos processos antes do fornecimento das vacinas ao Ministério da Saúde – o que faz o prazo de disponibilidade ser entre 15 e 20 dias.

Covid-19: médicos apontam as variantes em circulação no Brasil

Covid-19: entenda a importância da vacinação para conter o surgimento de novas cepas

O governo informou que, junto ao Butantan, está dando sequência às tratativas com a Sinovac para que mais doses prontas para aplicação cheguem ao país nas próximas semanas. Além disso, até o momento mais de 10 milhões de doses estão em produção no instituto.

Atualmente, o Butantan já entregou 52,21 milhões de vacinas contra a Covid-19 ao Plano Nacional de Imunizações (PNI). Os dois acordos firmados com o Ministério da Saúde totalizam 100 milhões de doses, com previsão de conclusão até 30 de setembro.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Um milhão de doses prontas de CoronaVac, vacina contra a Covid-19 da empresa chinesa Sinovac, chegou ao município de Guarulhos, em São Paulo, na noite desta terça-feira (29).

De acordo com o governador do estado, João Doria, com essas doses, o calendário de vacinação terá mais agilidade, já que a produção em São Paulo envolve diversos processos antes do fornecimento das vacinas ao Ministério da Saúde – o que faz o prazo de disponibilidade ser entre 15 e 20 dias.

O governo informou que, junto ao Butantan, está dando sequência às tratativas com a Sinovac para que mais doses prontas para aplicação cheguem ao país nas próximas semanas. Além disso, até o momento mais de 10 milhões de doses estão em produção no instituto.

Atualmente, o Butantan já entregou 52,21 milhões de vacinas contra a Covid-19 ao Plano Nacional de Imunizações (PNI). Os dois acordos firmados com o Ministério da Saúde totalizam 100 milhões de doses, com previsão de conclusão até 30 de setembro.