Foto: Divulgação/Sefaz-PR
Foto: Divulgação/Sefaz-PR

Programa Nota Paraná: consumidores podem resgatar R$ 26 milhões em créditos a partir da sexta-feira (12)

Ao todo, mais de 4 milhões de cidadãos cadastrados terão direito aos créditos do programa


 Os moradores cadastrados no Programa Nota Paraná, que solicitaram o CPF na nota nas compras, vão poder resgatar cerca de R$ 26 milhões em créditos a partir da próxima sexta-feira (12). A liberação é referente aos créditos de compras realizadas em outubro de 2023.  

Segundo a coordenadora do Programa Nota Paraná, Marta Gambini, para acumular os créditos, basta pedir CPF na nota. Ela explica que após a liberação dos créditos, o consumidor pode selecionar duas opções de utilização dos valores disponíveis no sistema.

“O cidadão acessa o aplicativo da nota Paraná ou site e clica em transferir para a conta bancária. Também tem a opção de transferir para o IPVA 2024 de cada exercício. Então, ele pode utilizar tanto na conta-corrente, na poupança ou no IPVA. É muito simples: é só clicar e transferir para a conta bancária. Existe um limite mínimo de R$ 25. A partir desses R$ 25, pode transferir até R$ 1 milhão”, explica.

O consumidor tem até um ano para resgatar o crédito a partir da data em que o crédito for liberado. De acordo com a coordenadora do programa no Paraná, mais de R$ 1 bilhão porque as pessoas esquecem de acessar e transferir para a conta bancária. 

“Quem não transferiu, de janeiro de 2023 até janeiro de 2024, serão cancelados os créditos. Então, todos os meses são canceladas R$ 130 milhões das pessoas que esquecem de transferir para a conta bancária depois de 1 ano”, diz.

Próximo sorteio

Os sorteios do Programa Nota Paraná ocorrem na primeira quinzena de cada mês. Em janeiro, o sorteio vai ocorrer na quinta-feira (11). Na ocasião, serão sorteados cerca de R$ 5 milhões em prêmios.

Os contribuintes concorrem a 15 mil prêmios de R$ 50, 10 prêmios de R$ 10 mil, 1 prêmio de R$ 50 mil, 1 prêmio de R$ 100 mil e ao prêmio máximo de R$ 1 milhão. São 15.013 prêmios, totalizando R$ 2 milhões. Além disso, as entidades sociais cadastradas no programa também correrem aos prêmios. Para as entidades serão distribuídos prêmios de R$ 100 a R$ 20 mil, sendo 40 prêmios de R$ 5 mil e 20 mil prêmios de R$ 100.

O programa Nota Paraná também possui outra opção de utilização dos créditos, o chamado Paraná Pay. Para a modalidade, serão sorteados 8 mil prêmios de R$ 100, totalizando R$ 800 mil. Os valores podem ser usados nos estabelecimentos dos setores do turismo, de venda de gás de cozinha e de combustíveis.

A coordenadora do programa destaca que o programa é um incentivo material para que as pessoas exerçam a cidadania fiscal.

“O benefício maior para todo o cidadão é o crescimento do nosso estado, a importância de pedir a nota fiscal, entender um pouco mais sobre recolhimento de impostos, quais estabelecimentos geram ou não créditos. Aqui no Paraná, gera retorno para o cidadão aquele fornecedor que recolheu imposto. Então, há benefício para o governo, benefício para o cidadão, benefício para as organizações sociais, que já receberam mais de R$ 388 milhões e as pessoas físicas já receberam 3 bilhões de reais do programa nota Paraná desde agosto de 2015 até hoje”, ressalta.

Para participar do programa basta acessar o site www.notaparana.pr.gov.br e se cadastrar, preenchendo os dados pessoais, como CPF, data de nascimento, nome completo, CEP e endereço para criação da senha pessoal.

Paraná lidera a produção de orgânicos no Brasil

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Os moradores cadastrados no Programa Nota Paraná, que solicitaram o CPF na nota nas compras, vão poder resgatar cerca de R$ 26 milhões em créditos a partir da sexta-feira (12), deste mês de janeiro. A liberação é referente aos créditos de compras realizadas em outubro de 2023.  

Segundo a coordenadora do Programa Nota Paraná, Marta Gambini, para acumular os créditos basta pedir CPF na nota. Ela explica que após a liberação dos créditos, o consumidor pode selecionar duas opções de utilização dos valores disponíveis no sistema.
 

TEC./SONORA: Marta Gambini, coordenadora do Programa Nota Paraná

“O cidadão acessa o aplicativo da nota Paraná ou site e clica em transferir para a conta bancária. Também tem a opção de transferir para o IPVA 2024, de cada exercício. Então, ele pode utilizar tanto na conta-corrente, na poupança ou no IPVA. É muito simples: é só clicar e transferir para a conta bancária. Existe um limite mínimo de R$ 25. A partir desses R$ 25 pode transferir até R$ 1 milhão”.
 


LOC.: De acordo com a coordenadora do programa, o próximo sorteio da Nota Paraná deve acontecer na  próxima quinta-feira (11). Na ocasião serão sorteados cerca de R$ 5 milhões em prêmios.

Gambini destaca que o programa é um incentivo material para que as pessoas exerçam a cidadania fiscal.
 

TEC./SONORA: Marta Gambini, coordenadora do Programa Nota Paraná

“O benefício maior para todo o cidadão é o crescimento do nosso estado, a importância de pedir a nota fiscal, entender um pouco mais sobre recolhimento de impostos, quais estabelecimentos geram ou não créditos. Aqui no Paraná, gera retorno para o cidadão, aquele fornecedor que recolheu imposto. Então, há benefício para o governo, benefício para o cidadão, benefício para as organizações sociais que já receberam mais de R$ 388 milhões e as pessoas físicas já receberam 3 bilhões de reais do programa nota Paraná desde agosto de 2015 até hoje”.
 


LOC.: Para participar do programa basta acessar o site www.notaparana.pr.gov.br e se cadastrar, preenchendo os dados pessoais, como CPF, data de nascimento, nome completo, CEP e endereço para criação da senha pessoal.

Reportagem, Landara Lima.