Foto: Ministério do Desenvolvimento Regional
Foto: Ministério do Desenvolvimento Regional

Governo Federal entrega as chaves da casa própria a 480 famílias de baixa renda de Ananindeua (PA)

Residencial Cristo Novo II recebeu R$ 38,4 milhões em investimentos federais e vai beneficiar cerca de 1,9 mil pessoas


O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entregou nesta última quinta-feira (7), 480 moradias a famílias de baixa renda de Ananindeua, no Pará. Ao todo, cerca de 1,9 mil serão pessoas beneficiadas com a casa própria no Residencial Cristo Novo II.
“Estamos levando dignidade a centenas de famílias brasileiras, que passarão a viver em um imóvel próprio. Esse Governo serve ao povo brasileiro e aqueles que mais precisam da atenção dos governos. Essa é uma orientação que a gente tem recebido do presidente Bolsonaro, de não deixar obras paralisadas, respeitar o cidadão que contribui com seus impostos e avançar no ataque a essa questão do déficit habitacional”, afirma o ministro Rogério Marinho.

O Residencial Novo Cristo II é composto por 480 apartamentos, distribuídos em 24 blocos de cinco andares, com quatro unidades por pavimento. O empreendimento recebeu R$ 38,4 milhões em investimentos por meio do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), sendo que R$ 23,6 milhões foram repassados desde 2019, o que corresponde a 60% do total.

Cada apartamento, com 44,56 m² de área, conta com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. O conjunto habitacional conta com uma escola e um posto de saúde, além de uma creche nos arredores.

Bernadete Martins Arruda é uma das pessoas que vão viver no Residencial Cristo Novo II. Ela vai se mudar para o empreendimento com os três filhos e não esconde a alegria por receber as chaves da casa nova. “Sete anos de espera por essa casa e ela vai mudar muita coisa na minha vida. É vida nova, casa nova, tudo de novo, tudo de bom. Vai melhorar tudo. A minha vida vai dar uma virada”, disse Bernadete, emocionada com a conquista.

Para o prefeito de Ananindeua, Daniel Barbosa Santos ("Dr. Daniel"), a realização do sonho da casa própria representa um novo momento para as famílias. “Agora, começa uma nova etapa. Vocês com a sua casa nova e o município vai trabalhar para que, aqui, vocês tenham uma saúde de qualidade, tenham educação de qualidade, tenham transporte de qualidade e possam criar seus filhos aqui com dignidade”, afirmou o titular do Executivo municipal.

Casa Verde e Amarela

Empenhado em reduzir o déficit habitacional, o Governo Federal retomou obras, ampliou o programa nacional de habitação – o Casa Verde e Amarela – e rompeu, em junho deste ano, a barreira de 1 milhão de unidades entregues à população desde 2019. Apenas este ano, já foram concedidas 284,5 mil moradias.
 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Quatrocentas e oitenta famílias de baixa renda de Ananindeua, no Pará, realizaram o sonho da casa própria nesta quinta-feira, sete de outubro. O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, entregou as chaves das moradias no Residencial Cristo Novo II.
A dona de casa Bernadete Martins Arruda foi uma das beneficiadas. Ela contou como a nova casa vai trazer uma mudança total em sua vida.
 

TEC./SONORA: Bernadete Martins Arruda, dona de casa
“Vai mudar muita coisa na minha vida. É assim, ano novo, vida nova, casa nova, tudo novo. Vai melhorar tudo, tudo. Minha vida vai dar uma virada.”
 

LOC.: O investimento federal nas unidades entregues foi de quase 40 milhões de reais, vindos do Fundo de Arrendamento Residencial. 
Presente à entrega das chaves, Rogério Marinho, ministro do Desenvolvimento Regional, destacou os avanços feitos pelo Governo Federal para levar moradia digna aos brasileiros mais vulneráveis. 
 

TEC./SONORA: Rogério Marinho, ministro do Desenvolvimento Regional
“Nós fizemos uma série de mudanças no programa habitacional. Esse ano comemoramos, em junho, um milhão de residências entregues em todo o país. Nós diminuímos a taxa de juros no financiamento para a menor taxa da história do programa. Nós estamos retomando mais de setenta mil unidades habitacionais paralisadas. Todas as semanas nós estamos entregando residenciais por todo o Brasil.”
 

LOC.: O Residencial Cristo Novo II é composto por 480 apartamentos, distribuídos em 24 blocos de cinco andares, com quatro unidades por pavimento. O conjunto habitacional conta com uma escola e um posto de saúde, além de uma creche nos arredores.
Para saber mais sobre o Programa Casa Verde e Amarela e outras ações de Habitação do Governo Federal, acesse mdr.gov.br