Foto: Reprodução/Canal Doutor Ajuda
Foto: Reprodução/Canal Doutor Ajuda

Unha encravada: o que fazer?

Neste episódio a dermatologista, Vivian Barzi Loureiro, dá dicas para unha encravada

SalvarSalvar imagem

A unha encravada é um problema muito comum e pode ser muito desagradável. Ocorre quando a lateral da unha machuca a pele, causando dor e inflamação, o dedão do pé é o mais afetado, mas as outras unhas também podem encravar.

Ao identificar uma unha encravada, é crucial evitar cutucar para não aumentar as chances de infecção. 

Se além da dor, também observar vermelhidão, inchaço, calor ao redor da unha e presença de pus, é recomendável procurar ajuda, pois esses são sinais de infecção.

O tratamento pode envolver medicação ou, em alguns casos, uma pequena cirurgia. Pessoas com diabetes, problemas de circulação e imunodeprimidos devem ter atenção especial para evitar complicações.

Dicas para evitar unha encravada:

  • Cortar a unha de forma correta, deixando-a reta e quadrada;
  • Evitar arredondar os cantos;
  • Evitar remover cutículas em excesso;
  • Não cutucar os cantos e laterais das unhas;
  • Evitar o uso de sapatos de bico fino.

Se a unha encravar, é fundamental buscar ajuda de um médico dermatologista. Cuide bem de seus pés e unhas para garantir uma saúde cutânea adequada.

Para mais informações, assista ao vídeo no canal Doutor Ajuda.

Receba nossos conteúdos em primeira mão.