Foto: MCom
Foto: MCom

Programa do Governo Federal instala mais de 17 mil postos de internet em todo Brasil

Mais de 11 milhões de brasileiros foram beneficiados com os pontos de internet


O governo federal entregou 17 mil pontos de internet em todo o Brasil,  por meio do programa Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão (GESAC). Mais de 11 milhões de brasileiros foram beneficiados em cerca de 3,1 mil cidades.

As cidades ao Norte e Nordeste do país concentram 75% das antenas instaladas que contribuem para o fortalecimento da educação e desenvolvimento socioeconômico em localidades com baixo índice de conectividade.

Os estados do Maranhão e Alagoas dispõem de mais de 2,8 mil antenas. Os locais com acessos instalados recebem conexão com velocidades que alcançam 10, 15 ou 20 megabites por segundo.

Aumento do Auxílio Brasil injetaria mais de R$ 10 bi na economia do Nordeste, região mais beneficiada pelo programa

Gestores Municipais que receberam as vacinas

O programa Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão oferece gratuitamente, conexão à internet em banda larga a telecentros, escolas, unidades de saúde, aldeias indígenas, postos de fronteira e quilombos. O programa dá maior atenção a comunidades em estado de vulnerabilidade social.

O acesso à internet aumenta as oportunidades de emprego, melhora as condições de trabalho tanto para as empresas quanto para os trabalhadores e oferece melhores condições de estudo aos estudantes. 
 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: O governo federal entregou 17 mil pontos de internet em todo o Brasil,  por meio do programa Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão. Mais de 11 milhões de brasileiros foram beneficiados em cerca de 3,1 mil cidades.

As cidades ao Norte e Nordeste do país concentram 75% das antenas instaladas que contribuem para o fortalecimento da educação e desenvolvimento socioeconômico em localidades com baixo índice de conectividade.

Os estados do Maranhão e Alagoas dispõem de mais de 2,8 mil antenas. Os locais com acessos instalados recebem conexão com velocidades que alcançam 10, 15 ou 20 megabites por segundo.

O programa Governo Eletrônico oferece, de graça, conexão à internet em banda larga a telecentros, escolas, unidades de saúde, aldeias indígenas, postos de fronteira e quilombos. O programa dá maior atenção a comunidades em estado de vulnerabilidade social.
 
Reportagem, Sophia Stein