Foto: Arquivo/EBC
Foto: Arquivo/EBC

Governo abre inscrições para organizações da sociedade civil criarem referencial do programa Moradia Primeiro

Os interessados podem se inscrever até o dia 26 de março de 2021


As organizações da sociedade civil sem fins lucrativos já podem fazer as inscrições para o edital que vai selecionar projetos destinados ao desenvolvimento de um referencial para a implantação do programa Moradia Primeiro (Housing First) no Brasil.

Os interessados podem se inscrever até o dia 26 de março de 2021. A iniciativa faz parte de uma parceria entre a Secretaria Nacional de Proteção Global (SNPG), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), e a Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso).

Produção de gás e petróleo nacional cresce acima da média registrada em dezembro de 2020

Preço dos produtos industrializados têm inflação de 3,36% em janeiro, segundo IBGE

Chamado no Brasil de Moradia Primeiro, o modelo Housing First, parte do princípio do acesso imediato de uma pessoa em situação crônica de rua a uma moradia segura, individual, dispersa no território do município e integrada à comunidade.

Para participar, as organizações devem ter experiência comprovada no atendimento à população em situação de rua, além de atenderem aos outros requisitos previstos no edital. As propostas de projetos podem ser encaminhadas para o e-mail popderisco@mdh.gov.br até as 23h59, horário de Brasília, do dia 26 de março.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: As organizações da sociedade civil sem fins lucrativos já podem fazer as inscrições para o edital que vai selecionar projetos destinados ao desenvolvimento de um referencial para a implantação do programa Moradia Primeiro (Housing First) no Brasil.

Os interessados podem se inscrever até o dia 26 de março de 2021. A iniciativa faz parte de uma parceria entre a Secretaria Nacional de Proteção Global (SNPG), do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), e a Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso).

Chamado no Brasil de Moradia Primeiro, o modelo Housing First, parte do princípio do acesso imediato de uma pessoa em situação crônica de rua a uma moradia segura, individual, dispersa no território do município e integrada à comunidade.

Para participar, as organizações devem ter experiência comprovada no atendimento à população em situação de rua, além de atenderem aos outros requisitos previstos no edital. As propostas de projetos podem ser encaminhadas para o e-mail popderisco@mdh.gov.br até as 23h59, horário de Brasília, do dia 26 de março.

Reportagem, Marquezan Araújo