PERNAMBUCO: Ministério da Saúde destina R$ 9,1 milhões para reabilitação de crianças com zika no estado

Salvar imagem

 

REPÓRTER: Novos serviços de saúde para assistência às crianças com a síndrome congênita da zika serão financiados pelo Ministério da Saúde. O valor total do investimento é de 135 milhões de reais para todo o Brasil. Esses recursos também servirão para custear pesquisas relacionadas às doenças causadas pelo Aedes aegypti. Além disso, para ampliar a assistência, o Ministério da Saúde está destinando outros 125 milhões de reais para a habilitação de Centros Especializados em Reabilitação (CER) e novas equipes de Núcleos de Apoio de Saúde da Família. O secretário de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, Francisco Figueiredo, enfatiza a importância dessas ações.

SONORA: secretário de Atenção à Saúde/MS, Francisco Figueiredo.

“Nós sabemos e temos a certeza que o grande caminho para o Governo Federal e o Ministério da Saúde é aumentar o número de entendimentos, tão fundamental para o país. E com essa liberação nós vamos qualificar o atendimento e levar o que há de melhor para cada cidadão que nos bate à porta”.

REPÓRTER: Em Pernambuco, o Ministério da Saúde garantiu mais de nove milhões de reais para o financiamento de quatro Centros Especializados em Reabilitação (CER) pelo estado. Esses serviços oferecem assistência integral e gratuita, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), às crianças com a síndrome congênita da zika. Desde outubro do ano passado, essas crianças passaram a contar com 52 novos Centros Especializados em Reabilitação. Para saber mais, acesse www.saude.gov.br

Reportagem, Luiz Philipe Leite.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.