Foto: MDR/divulgação
Foto: MDR/divulgação

PE: Governo Federal reconhece situação de emergência em 14 cidades atingidas por chuvas intensas

Com medida, municípios podem solicitar recursos federais para resposta ao desastre. MDR conta com cerca de R$ 1 bilhão destinados a ações de socorro, assistência e restabelecimento de serviços essenciais em todo o País


A Defesa Civil Nacional reconheceu, nesta segunda-feira (30), a situação de emergência em 14 cidades de Pernambuco atingidas pelos fortes temporais do final de semana. 

Estão na lista Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Goiana, Jaboatão dos Guararapes, Macaparana, Moreno, Nazaré da Mata, Olinda, Paudalho, Paulista, Recife, São José da Coroa Grande, São Vicente Férrer e Timbaúba.

A medida foi tomada por procedimento sumário, que ocorre em casos de desastres de grandes proporções e com base apenas no requerimento e no decreto de emergência ou de calamidade do estado ou do município. O objetivo é acelerar as ações federais de resposta.

Em todo o País, estados e municípios afetados por desastres podem solicitar apoio financeiro ao Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, para ações de defesa civil. O ministro Daniel Ferreira explica como podem ser usados os recursos.

"Os recursos da Defesa Civil podem ser empregados naquele primeiro momento que acontece o desastre pra fazer assistência humanitária, pra dar kits de higiene, alimentação pras pessoas que foram atingidas, que enfrentam as consequências daquele desastre, bem como pra restabelecimento dos serviços essenciais, como, por exemplo, abastecimento de água e desobstrução de vias públicas. Além disso, nós também podemos utilizar os recursos da Defesa Civil pra fazer reconstrução de infraestruturas públicas destruídas pelo desastre ou ainda de habitações destruídas pelo desastre."

A solicitação de recursos é feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres, o S2iD, que pode ser acessado em s2id.mi.gov.br.

Nesta segunda-feira, o presidente Jair Bolsonaro esteve em Pernambuco para sobrevoar áreas atingidas pelas chuvas intensas e anunciar ações de resposta ao desastre. O ministro Daniel Ferreira acompanhou a comitiva.

 

Receba nossos conteúdos em primeira mão.

A Defesa Civil Nacional reconheceu nesta segunda-feira, 30 de maio, a situação de emergência em 14 cidades de Pernambuco atingidas pelos fortes temporais do final de semana. 

Estão na lista Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Goiana, Jaboatão dos Guararapes, Macaparana, Moreno, Nazaré da Mata, Olinda, Paudalho, Paulista, Recife, São José da Coroa Grande, São Vicente Férrer e Timbaúba.

A medida foi tomada por procedimento sumário, que ocorre em casos de desastres de grandes proporções e com base apenas no requerimento e no decreto de emergência ou de calamidade do estado ou do município. O objetivo é acelerar as ações federais de resposta.

LOC: Em todo o País, estados e municípios afetados por desastres podem solicitar apoio financeiro ao Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, para ações de defesa civil. O ministro Daniel Ferreira explica como podem ser usados os recursos.

SONORA DANIEL FERREIRA

"Os recursos da Defesa Civil podem ser empregados naquele primeiro momento que acontece o desastre pra fazer assistência humanitária, pra dar kits de higiene, alimentação pras pessoas que foram atingidas, que enfrentam as consequências daquele desastre, bem como pra restabelecimento dos serviços essenciais, como, por exemplo, abastecimento de água e desobstrução de vias públicas. Além disso, nós também podemos utilizar os recursos da Defesa Civil pra fazer reconstrução de infraestruturas públicas destruídas pelo desastre ou ainda de habitações destruídas pelo desastre."

LOC: A solicitação de recursos é feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres, o S2iD, que pode ser acessado em s2id.mi.gov.br.

Nesta segunda-feira, o presidente Jair Bolsonaro esteve em Pernambuco para sobrevoar áreas atingidas pelas chuvas intensas e anunciar ações de resposta ao desastre. O ministro Daniel Ferreira acompanhou a comitiva.

Para saber mais sobre as ações do Governo Federal em Proteção e Defesa Civil, acesse mdr.gov.br.

Reportagem, Daniel Lansky