Equipe do MDR realiza visita técnica no Ramal do Apodi. Foto: Camila Santos/MDR
Equipe do MDR realiza visita técnica no Ramal do Apodi. Foto: Camila Santos/MDR

MDR realiza visita técnica ao Ramal do Apodi, obra acessória da Transposição do Rio São Francisco

Empreendimento hídrico vai levar água em quantidade e qualidade para 750 mil pessoas em 54 cidades dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará


Integrantes do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) iniciaram, nesta terça-feira (22), uma visita técnica às obras do Ramal do Apodi, infraestrutura hídrica que vai levar água em quantidade e qualidade a 750 mil pessoas em 54 cidades dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará.

Participaram da visita técnica representantes dos estados beneficiados e da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA). O encontro foi na Igreja Divino Espírito Santo, em São José de Piranhas, na Paraíba, às 9h30. Em seguida, a comitiva seguiu para o Reservatório Caiçara, no início do Ramal do Apodi, em Cajazeiras.

O diretor do Departamento de Projetos Estratégicos da Secretaria Nacional de Segurança Hídricas (SNSH), Oscálmi Porto, coordenou a visita técnica. Ele ressaltou a importância do empreendimento para a população a ser beneficiada com o fornecimento de água.

“O Ramal do Apodi é uma obra bastante significativa, pois vai garantir tanto a segurança hídrica da região quanto uma forma de estimular o desenvolvimento econômico local”, declarou. “Esta visita busca dar transparência à execução. O MDR, por meio de sua equipe de campo, acompanha a execução e, nesta visita, temos a companhia da ANA e dos estados beneficiados”, completou.  

Além de Oscálmi Porto, também representaram o MDR na vistoria técnica a gerente de projeto Nartacha Melo e o assessor técnico Fernando Numata, ambos da SNSH.

Nesta quarta-feira (23), no segundo dia de atividades, a equipe visitará a estrutura de Controle do Ramal do Salgado, além de trechos de canais adjacentes, encerrando a visita no emboque da janela do Túnel Major Sales.

O Ramal do Apodi

O Ramal do Apodi faz parte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que tem como objetivo aumentar a garantia e a oferta hídrica na região beneficiada, por meio da transferência de água para os reservatórios e sistemas estratégicos da região.

A transposição do Rio São Francisco está organizada em dois eixos principais, Norte e Leste, além de ramais associados: Entremontes, Agreste, Salgado e o próprio Apodi.

A obra do Ramal do Apodi foi iniciada em junho de 2021. O investimento federal no empreendimento está estimado em R$ 1,6 bilhão, sendo R$ 938,5 milhões para as obras físicas. Por meio do ramal, as águas do Velho Chico serão transportadas, a partir da estrutura de controle do Reservatório de Caiçara, na Paraíba, até o Reservatório Angicos, no Rio Grande do Norte, em uma extensão aproximada de 115 quilômetros.

Cadastre-se para receber releases pelo WhatsApp

Para receber mais notícias e ações do MDR, jornalistas e blogueiros interessados podem se cadastrar nos grupos de WhatsApp. Um deles tem enfoque em notícias de abrangência nacional e, nos demais, serão compartilhadas informações exclusivas de cada estado. Clique neste link para acessar os grupos.

Caso deseje receber apenas informações relacionadas à proteção e defesa civil, cadastre-se neste link.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC: Integrantes do Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, iniciaram nesta terça-feira, 22 de novembro, uma visita técnica às obras do Ramal do Apodi, infraestrutura hídrica que vai levar água em quantidade e qualidade a 750 mil pessoas em 54 cidades do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará.

Também participaram da visita técnica representantes dos estados beneficiados e da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico, a ANA. A comitiva se encontrou na cidade de São José de Piranhas, na Paraíba, de onde seguiu para Reservatório Caiçara, no início do Ramal do Apodi, em Cajazeiras.

Oscálmi Porto, diretor de Projetos Estratégicos da Secretaria Nacional de Segurança Hídrica, coordenou a visita técnica. Ele ressaltou a importância do Ramal do Apodi para a população a ser beneficiada.

TEC/SONORA: Oscálmi Porto

“O Ramal do Apodi é uma obra bastante significativa para a região, pois serão providenciados ali tanto a segurança hídrica da região quanto uma forma de estimular o desenvolvimento econômico local. A visita vai ser realizada para darmos transparência na execução. O ministério, por meio de sua equipe de campo, acompanha a execução, mas nessa visita temos a companhia da ANA e dos estados beneficiados".  

LOC: O Ramal do Apodi faz parte do Projeto de Integração do Rio São Francisco, que tem como objetivo aumentar a garantia e a oferta hídrica no semiárido brasileiro, por meio da transferência de água para os reservatórios e sistemas estratégicos da região.

Para mais informações sobre ações do Governo Federal em segurança hídrica, acesse mdr.gov.br.

Reportagem, Petronilo Oliveira