Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC

São Paulo bate Palmeiras nos pênaltis e volta à final do Paulistão após 16 anos

A rodada de jogos nos estaduais pelo Brasil teve chuva de gols neste fim de semana. Mas o clássico entre Palmeiras e São Paulo, pela semifinal do Paulista, teve vitória tricolor nos pênaltis. Após empate por zero a zero no tempo normal, Tiago Volpi brilhou ao defender duas cobranças e classificou o time do Morumbi para uma final estadual após 16 anos. O jogo ficou marcado por dois gols bem anulados, um pra cada lado, após consulta ao árbitro de vídeo.


A rodada de jogos nos estaduais pelo Brasil teve chuva de gols neste fim de semana. Mas o clássico entre Palmeiras e São Paulo, pela semifinal do Paulista, teve vitória tricolor nos pênaltis. Após empate por 0 a 0 no tempo normal, Tiago Volpi brilhou ao defender duas cobranças e classificou o time do Morumbi para uma final estadual após 16 anos. O jogo ficou marcado por dois gols bem anulados, um pra cada lado, após consulta ao árbitro de vídeo. 

No Rio de Janeiro, o Vasco venceu o Bangu por dois a um e agora enfrenta o rival Flamengo na final que realmente vale o título do Campeonato Carioca. No sábado, o Rubro-Negro empatou em 1 a 1 com o Fluminense e avançou à decisão com o resultado por ter a melhor campanha na soma dos dois turnos. As finais entre Flamengo e Vasco serão decididas nos próximos dois domingos. 

No Campeonato Mineiro, o Galo atropelou o Boa Esporte por 5 a 0. Com o resultado, decide o título estadual diante do rival Cruzeiro, que bateu o América por três a zero, no sábado. 

No Gauchão, também vai ter clássico de peso na decisão do estadual. Após três jogos de seca, o Grêmio derrotou o São Luiz por 3 a 0. Na outra semi, o Inter derrotou o Caxias por 2 a 0, com gol de Paolo Guerrero, que voltou a jogar após a suspensão por doping. Grêmio e Inter decidem o título gaúcho nos próximos dois fins de semana.

Pelo Paranaense, o Athletico recebeu o Rio Branco, no sábado, na Arena da Baixada, e venceu por 3 a 0. A vitória classificou o time para a final da competição. O Furacão vai enfrentar o rival Coritiba na decisão. Isso porque na outra semifinal, o Coritiba venceu o Londrina de virada, por 2 a 1. 

O domingo no Campeonato Catarinense foi de derrota da Chapecoense por 2 a 1, em casa, para o Avaí. Já o Metropolitano ganhou, pelo mesmo placar, do Brusque. O Joinville, por sua vez, perdeu de 1 a 0 para o Tubarão e encerrou sua melancólica campanha no estadual. O Hercílio Luz foi derrotado pelo Criciúma por 1 a 0. Mais uma vitória magra de 1 a 0 se repetiu, na vitória do Marcílio Dias sobre o Figueirense. Com o fim da fase de pontos corridos, foram definidas as semifinais. O Avaí encara o Criciúma, enquanto Chapecoense e Figueirense duelam pela outra vaga na decisão. 

No Campeonato Baiano, o Bahia de Feira virou o jogo para cima do Vitória da Conquista e se garantiu na final. O Tremendão terá pela frente o Bahia na grande decisão.

Bahia que ignorou a vantagem construída no jogo de ida e voltou a vencer o Atlético por 2 a 0, no estádio Carneirão. O Tricolor faz a segunda partida da final do Baianão em casa.

Na noite desta segunda (8), tem mais bola rolando. Santos e Corinthians se enfrentam no Pacaembu pela outra semifinal do Paulistão. O vencedor encara o São Paulo na final. Como venceu a partida de ida por dois a um, o Timão tem a vantagem do empate. 

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.

A rodada de jogos nos estaduais pelo Brasil teve chuva de gols neste fim de semana. Mas o clássico entre Palmeiras e São Paulo, pela semifinal do Paulista, teve vitória tricolor nos pênaltis. Após empate por zero a zero no tempo normal, Tiago Volpi brilhou ao defender duas cobranças e classificou o time do Morumbi para uma final estadual após 16 anos. O jogo ficou marcado por dois gols bem anulados, um pra cada lado, após consulta ao árbitro de vídeo. 

No Rio de Janeiro, o Vasco venceu o Bangu por dois a um e agora enfrenta o rival Flamengo na final que realmente vale o título do Campeonato Carioca. No sábado, o Rubro-Negro empatou em um a um com o Fluminense e avançou à decisão com o resultado por ter a melhor campanha na soma dos dois turnos. As finais entre Flamengo e Vasco serão decididas nos próximos dois domingos. 

No Campeonato Mineiro, o Galo atropelou o Boa Esporte por cinco a zero. Com o resultado, decide o título estadual diante do rival Cruzeiro, que bateu o América por três a zero, no sábado. 

No Gauchão, também vai ter clássico de peso na decisão do estadual. Após três jogos de seca, o Grêmio derrotou o São Luiz por três a zero. Na outra semi, o Inter derrotou o Caxias por dois a zero, com gol de Paolo Guerrero, que voltou a jogar após a suspensão por doping. Grêmio e Inter decidem o título gaúcho nos próximos dois fins de semana.

Pelo Paranaense, o Athletico recebeu o Rio Branco, no sábado, na Arena da Baixada, e venceu por três a zero. A vitória classificou o time para a final da competição. O Furacão vai enfrentar o rival Coritiba na decisão. Isso porque na outra semifinal, o Coritiba venceu o Londrina de virada, por dois a um. 

O domingo no Campeonato Catarinense foi de derrota da Chapecoense por dois a um, em casa, para o Avaí. Já o Metropolitano ganhou, pelo mesmo placar, do Brusque. O Joinville, por sua vez, perdeu de um a zero para o Tubarão e encerrou sua melancólica campanha no estadual. O Hercílio Luz foi derrotado pelo Criciúma por um a zero. Mais uma vitória magra de um a zero se repetiu, na vitória do Marcílio Dias sobre o Figueirense. Com o fim da fase de pontos corridos, foram definidas as semifinais. O Avaí encara o Criciúma, enquanto Chapecoense e Figueirense duelam pela outra vaga na decisão. 

No Campeonato Baiano, o Bahia de Feira virou o jogo para cima do Vitória da Conquista e se garantiu na final. O Tremendão terá pela frente o Bahia na grande decisão.

Bahia que ignorou a vantagem construída no jogo de ida e voltou a vencer o Atlético por dois a zero, no estádio Carneirão. O Tricolor faz a segunda partida da final do Baianão em casa.

Na noite desta segunda (8), tem mais bola rolando. Santos e Corinthians se enfrentam no Pacaembu pela outra semifinal do Paulistão. O vencedor encara o São Paulo na final. Como venceu a partida de ida por dois a um, o Timão tem a vantagem do empate. 

Reportagem, Pedro Marra