REDENÇÃO: Comarca realiza 261 audiências de conciliação

As atividades desempenhadas nos mutirões resultaram na prolação de 214 sentenças, das quais 61 chegaram a acordos.

Salvar imagem

 

 
REPÓRTER: O Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Redenção, no sudoeste paraense, realizou, em regime de mutirão, 261 audiências de conciliação, instrução e julgamento, entre os meses de setembro e outubro deste ano. As atividades desempenhadas nos mutirões resultaram na prolação de 214 sentenças, das quais 61 chegaram a acordos, 36 finalizaram entre procedência, procedência parcial e improcedência, 107 foram registradas como desistência e 10 foram extintas sem resolução do mérito. Desse total, 63 atendimentos ocorreram entre os dias 5 e 9 deste mês, no mutirão realizado com a empresa Celpa. As demais audiências foram realizadas no período de 21 a 25 de setembro – data do mutirão comemorativo em prol dos 20 anos da Lei 9.099 de 1995, que rege os Juizados Especiais.  A ação, coordenada pela juíza Adriana da Costa Tristão, está em consonância com o Programa Justiça em Movimento, idealizado pela Coordenadoria dos Juizados Especiais do TJPA, que tem como titular a desembargadora Vânia Bitar. O objetivo do programa é garantir a prestação jurisdicional de forma rápida e eficaz, estimulando a conciliação e a cultura da paz social.
 

Com informações da coordenadoria de imprensa do TJPA, reportagem, Storni Jr.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.