PARÁ: Programa Trabalho Seguro é instituído pelo TST

Nesta terça-feira, dia 28, é lembrado em todo o Brasil o "Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho".

Salvar imagem

REPÓRTER: O trabalhador da construção civil, Carlos Linhares é um dos milhares de trabalhadores espalhados pelo Brasil que pode vir a sofrer um acidente de trabalho. Carlos tem a consciência que com planejamento e prevenção os acidentes podem ser evitados.
 
SONORA: Trabalhador da construção civil, Carlos Linhares.
 
“A gente sabe que a construção civil é um setor de alto risco, mas com planejamento e um trabalho de prevenção com seriedade, a gente consegue diminuir esses indicadores que são tão assustadores, nós sabemos que muitos trabalhadores adoecem , se acidentam, morre”.
 
REPÓRTER: Nesta terça-feira, dia 28, é lembrado em todo o Brasil o "Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho" e buscando contribuir com a sociedade foi instituído pelo Tribunal Superior do Trabalho, o “Programa Trabalho Seguro”. De acordo com o Gestor Regional do Programa Trabalho Seguro no TRT da 8ª Região, desembargador do Trabalho Walter Paro, o programa tem uma série de objetivos.
 
SONORA: Desembargador Walter Paro.
 
O programa trabalho seguro foi instituindo pelo tribunal superiro do trabalho, e ele tem uma série de objetivos, mas o principal é poder dar uma colaboração por parte da justiça do trabalho para a sociedade, é poder levar aos trabalhadores, mas não apenas aos trabalhadores, mas ao empregador, a sociedade em si uma nova visão, hoje é responsabilidade de toda a sociedade olhar para a preservação da saúde, do meio ambiente de trabalho.”
 
REPÓRTER: Segundo dados do Tribunal Superior do Trabalho, em 2013, somente na região Norte, mais de trinta mil pessoas sofreram acidentes de trabalho. No Pará, ocorre mais de doze mil. Evitar acidentes de trabalho não é somente fazer cumprir as leis, mas deve fazer parte da cultura da população, destaca o desembargador Walter Paro.
 
SONORA: Desembargador Walter Paro.
 
Evitar acidentes hoje não é mais apenas uma necessidade de cumprimento de lei, mais pelo contrário, ela passa a ser agora uma cultura da população, acidente do trabalho não é simplesmente, mas lamentavelmente, a perda de um dedo. Nós temos aqui vidas que são ceifadas, e além da vida, nós temos degradação de famílias, porque a morte de um trabalhador, o acidente de um trabalhador, pode implicar em toda uma alteração na vida dessa família desse trabalhador.”
 
REPÓRTER: A Justiça do Trabalho disponibiliza gratuitamente para os tablets e smartphone com o sistema operacional Android o aplicativo SimVida-TRT8, que permite a realização do registro e o mapeamento de situações de risco ligados ao trabalho nos estados sob a jurisdição do Tribunal. O aplicativo é de fácil manuseio e está disponível através do endereço www.lablivre.org
 

Com informações do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região e a colaboração de Aline Paes Teixeira, reportagem, Storni Jr.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.