CAMAÇARI (BA): Realizar todo o tratamento é imprescindível na luta contra a Tuberculose

Salvar imagem

LOC: Tossir por mais de três semanas, febre no final da tarde, falta de apetite e perda de peso são os principais sintomas da Tuberculose. Camaçari, em 2016, teve 59 casos registrados, sendo uma das dez cidades com a maior incidência da doença no Estado da Bahia. A coordenadora do Programa Municipal de Combate à Tuberculose da Secretaria de Saúde, Ana Iara Santana, esclarece que é importante buscar auxilio médico ao sentir os sintomas da doença.

TEC/SONORA: Ana Iara Santana, coordenadora do Programa Municipal de Combate à Tuberculose da Secretaria de Saúde de Camaçari.

“Na verdade, a gente não deve esperar que todos esses sintomas apareçam, porque a maioria das pessoas acredita que só tem Tuberculose se tiver todo esse conjunto de sintomas, que não é verdade. Qualquer pessoa que está tossindo a partir da terceira semana ela já deve fazer uma baciloscopia. Não importa se está tossindo porque é alérgico ou tabagista crônico, então é importante que a gente não espere.”

LOC: Os hospitais e unidades básicas de saúde do estado estão prontos para atender os pacientes com tosse por mais de três semanas para saber se é Tuberculose. Os profissionais da Secretaria de Saúde estão sempre atentos aos diagnósticos e vão dar todas as orientações ao paciente infectado. Ana Iara Santana reforça ainda a extrema importância de realizar todo o tratamento para ter a correta recuperação.

TEC/SONORA: Ana Iara Santana, coordenadora do Programa Municipal de Combate à Tuberculose da Secretaria de Saúde de Camaçari.

“Não se deve interromper o tratamento. Cada vez que você abandona o tratamento, você tem um risco muito grande de se tornar um resistente e de você não conseguir alcançar a cura. A duração do tratamento é, em média, de seis meses.”

LOC: A Tuberculose tem cura e o tratamento é oferecido de graça pelo SUS. Vale lembrar que se você tosse por três semanas, cuidado. Pode ser Tuberculose. Busque imediatamente a unidade de saúde mais próxima de você. Para mais informações, acesse saude.gov.br. 



 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.