BRASIL: Presídios de todo país receberão 40 bibliotecas do MEC

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia, reuniu-se com o ministro da Educação, Mendonça Filho, para acertar a doação de 40 bibliotecas, com 20 mil livros, para presídios em todo o país. 

SalvarSalvar imagem

REPÓRTER: A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia, reuniu-se com o ministro da Educação, Mendonça Filho, para acertar a doação de 40 bibliotecas, com 20 mil livros, para presídios em todo o país. De acordo com Mendonça Filho, as obras de literatura brasileira e estrangeira serão doadas pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), órgão do MEC. Em uma segunda etapa, também serão doados livros didáticos. O cronograma de entrega e os presídios beneficiados serão definidos pela ministra Cármen Lúcia junto aos Tribunais de Justiça dos Estados. O ministro da Educação informou ainda que foi marcada uma nova reunião com a presidente do STF, prevista para ocorrer na terça-feira, 17 de janeiro, para que seja definido o cronograma de entrega das bibliotecas.

 
Com informações do Supremo Tribunal Federal, reportagem Thamyres Nicolau

Receba nossos conteúdos em primeira mão.