Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Sisu: Inscrições da segunda edição de 2022 começam nesta terça (28)

Processo para ingresso no segundo semestre já está liberado no portal Acesso Único


As inscrições para a segunda edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) estão abertas a partir desta terça-feira (28). Os candidatos terão até sexta-feira (1º) para se inscreverem no processo, segundo calendário já publicado no Edital nº 57, do Ministério da Educação (MEC).
Para se inscrever no Sisu, os candidatos precisam acessar o Portal Acesso Único e não é cobrada taxa de inscrição. Por ser um processo totalmente informatizado e on-line, as instituições participantes disponibilizarão acesso gratuito à internet para a inscrição. O candidato que precisar visitar a instituição para fazer a inscrição deve se atentar aos dias e horários de funcionamento.

O candidato pode escolher até duas opções de curso, especificando-as em ordem de preferência, os tipos de vaga em instituição de educação superior participante, local de oferta, curso, turno e modalidade de concorrência.

Para se inscrever no Sisu, o candidato precisa ter realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 e não ter obtido nota zero na redação.

Sisu: já está liberada a consulta às vagas oferecidas pelas instituições públicas no segundo semestre

Como escolher o curso no Sisu

É comum os candidatos mais acostumados com o processo seletivo de vestibulares já terem em sua estratégia de aprovação mais duas opções de instituições ou de cursos. Também por meio do Portal Acesso Único, é possível acessar a quantidade de vagas disponíveis na segunda edição do programa, além de poder filtrá-las pela lista de municípios, pela lista de universidades ou pela lista de cursos.

Muito além da quantidade de vagas, também é importante que o candidato esteja por dentro das notas de corte de edições anteriores. É o que explica o professor Igor Diniz, especialista em redação para o Enem. “O candidato  tem que chamar atenção quanto à média que está girando e também com a sua nota”, completa.

Periodicamente, o Sisu divulga a nota de corte, que foi a menor nota para ficar entre os selecionados na modalidade escolhida de uma seleção anterior. Assim, o candidato pode realizar um comparativo da sua nota no Enem 2021 com os aprovados em programas anteriores e, então, alterar os dados e opções de curso quantas vezes desejar, à medida que os resultados forem ficando mais concretos. 

No momento em que o prazo de inscrição acabar, a última opção do candidato será a considerada. E é importante lembrar que a nota de corte é uma nota de referência: atingi-la no Enem 2021 não garante aprovação para o Sisu 2022.

SENAI Bahia tem 4,4 mil vagas abertas para cursos técnicos

Resultados

O resultado do Sisu será divulgado dia 6 de julho por meio do Portal Acesso Único. Os aprovados terão de 13 a 18 de julho para realizar a matrícula ou o registro acadêmico na instituição para a qual foram selecionados. É necessário observar, também, os atendimentos específicos definidos por cada instituição em edital próprio publicado por elas.

Os candidatos que não conseguirem uma vaga na chamada regular têm a oportunidade de se inscreverem na lista de espera do processo seletivo, entre os dias 6 e 18 de julho na internet. É possível manifestar interesse em apenas um dos cursos escolhidos no ato da inscrição.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: As inscrições para a segunda edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) estão abertas a partir desta terça-feira (28). Os candidatos terão até sexta-feira (1º) para se inscreverem no processo. Os candidatos precisam acessar o Portal Acesso Único e não é cobrada taxa de inscrição. Por ser um processo totalmente informatizado e on-line, as instituições participantes  vão oferecer acesso de graça à internet para a inscrição. 

O candidato pode escolher até duas opções de curso. Para se inscrever no Sisu, o candidato precisa ter realizado o Enem 2021 e não ter obtido nota zero na redação.

É comum os candidatos mais acostumados com o processo seletivo de vestibulares já terem uma estratégia de aprovação com mais duas opções de instituições ou de cursos. Também por meio do Portal Acesso Único, é possível acessar a quantidade de vagas disponíveis na segunda edição do Sisu, além de poder filtrá-las pela lista de municípios, pela lista de universidades ou pela lista de cursos. O professor especialista em redação para Enem Igor Diniz explica o que o estudante deve levar em conta.

TEC./SONORA: Igor Diniz, professor especialista em redação para Enem
“O candidato  tem que chamar atenção quanto à média que está girando e também com a sua nota”.

LOC.: Periodicamente, o Sisu divulga a nota de corte, que foi a menor nota para ficar entre os selecionados na modalidade escolhida de uma seleção anterior. Assim, o candidato pode realizar um comparativo da sua nota no Eem com os aprovados em programas anteriores e, então, alterar os dados e opções de curso quantas vezes desejar. No momento em que o prazo de inscrição acabar, a última opção do candidato será a considerada. E é importante lembrar que a nota de corte é uma nota de referência. Atingi-la não garante aprovação para o Sisu 2022.

O resultado do Sisu será divulgado dia 6 de julho por meio do Portal Acesso Único. Os aprovados terão de 13 a 18 de julho para realizar a matrícula ou o registro acadêmico na instituição para a qual foram selecionados. É necessário observar, também, os atendimentos específicos definidos por cada instituição em edital próprio publicado por elas.

Reportagem, Thiago de Freitas