PRINCESA ISABEL (PB): Programa Saúde na Escola vai debater combate ao mosquito da Dengue, Zika e Chikungunya

Salvar imagem

...

LOC: Na próxima semana, os alunos da rede estadual de Princesa Isabel vão discutir nas escolas sobre as formas de combater o mosquito que transmite a Dengue, Zika e Chikungunya. A atividade faz parte do Programa Saúde na Escola (PSE) e objetiva trazer o tema para o dia a dia dos estudantes das 16 escolas estaduais da cidade. Para a coordenadora do programa, Geralda Marques, a sala de aula é o lugar ideal para que o debate aconteça.

 TEC/SONORA: Geralda Marques, coordenadora do Programa Saúde na Escola de Princesa Isabel.

“Porque, assim, a escola é um lugar onde você pode juntar uma quantidade de alunos, e eles podem levar as informações para casa. Eles também podem chamar os pais para fazer aquele movimento. E sendo na escola fica melhor, uma coisa bem explicada.

 LOC: O debate sobre como prevenir as doenças é fundamental em Princesa Isabel, segundo a secretária municipal, porque a cidade está em estado de alerta com um alto índice de infestação do mosquito. De acordo com Geralda Marques, o principal problema no ano passado foi a Chikungunya.

 TEC/SONORA: Geralda Marques, coordenadora do Programa Saúde na Escola de Princesa Isabel.

“Esse nome, essa palavra Chikungunya, aqui na cidade de Princesa Isabel. No ano passado, nossa! Foi um número altíssimo de pessoas com casos. O número foi tão alto aqui que a gente já falava “a Chika”. É raro você conversar com uma pessoa e ela dizer que não teve essa doença.”

 LOC: O chefe do Núcleo de Fatores Biológicos da Paraíba, Luiz Almeida, lembra que, como os índices de infestação estão bastante elevados no estado, é fundamental que toda a população participe da luta contra o mosquito.  

 TEC/SONORA: Luiz Almeida, chefe do Núcleo de Fatores Biológicos da Paraíba.

“Intensificar as ações nas escolas, junto aos estudantes, para que levem informação para dentro de casa, para conversar com os pais, com os parentes. Uma vez que o índice de infestação está alto e a responsabilidade é de todos. Não só dos gestores públicos, mas da população, da comunidade de forma geral.”

 LOC: Para mais informações sobre como você pode ajudar a se prevenir do mosquito, acesse saude.gov.br/combateaedes. Ministério da Saúde, Governo Federal.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.