GRIPE: Ministérios da Saúde e da Educação se unem para vacinar professores nas escolas

Salvar imagem


 

REPÓRTER: Pela primeira vez, cerca de 2 milhões e 300 mil professores de todo Brasil vão receber a vacina contra a gripe. Nesta semana, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, acompanhou a vacinação de professores em uma escola pública de Brasília. A medida faz parte de uma grande mobilização do Governo Federal para incentivar estados e municípios a realizarem a vacinação dos professores no ambiente escolar. A ação também serve de exemplo para os estudantes.

SONORA: ministro da Saúde, Ricardo Barros

“Para efeito de demonstração para as crianças, vacinamos os professores, de modo que estas crianças não terão medo de vacina. Pelo contrário, entendem que vacina é importante e, a partir do exemplo dos professores, passaram a buscar a vacinação junto com os seus pais, junto com a sua família, para que nós tenhamos a maior cobertura vacinal possível, que é isso que vai nos garantir a proteção e prevenção para as nossas crianças e para nossa população”.

REPÓRTER: O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, reforçou a importância da integração Saúde e Escola.

SONORA: governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg

“Nós conclamamos todos os grupos que devem ser atendidos por essa vacina, que se vacinem! (...) É muito importante que isso esteja sendo feito na escola porque além do efeito de demonstração, além do efeito pedagógico, também é uma oportunidade de ampliação da cobertura vacinal, especialmente das nossas crianças”.

REPÓRTER: A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza começou no dia 17 de abril e seguirá em todo o país até 26 de maio. Ao todo, mais de 54 milhões de pessoas que integram os grupos prioritários devem ser vacinadas. Para saber mais acesse www.saude.gov.br.

Reportagem, Luiz Philipe Leite.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.