EDUCAÇÃO: MEC debate projeto de construção de 50 escolas indígenas

O Brasil tem 3.085 escolas indígenas, com mais de 285 mil estudantes e cerca de 20.240 professores

Salvar imagem

LOC.: O Ministério da Educação promoveu um encontro, nesta semana, com equipes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, o FNDE, e da Fundação Nacional do Índio, a Funai, para debater um projeto de construção de 50 escolas indígenas na região do território etnoeducacional do Rio Negro, no Amazonas. A construção das primeiras unidades vão começar a ser entregues no início de 2018 e terão apoio do Exército Brasileiro.

 

Neste ano, o MEC iniciou a discussão sobre uma nova política de construção de escolas indígenas, afinal, muitas unidades em funcionamento não têm prédio próprio ou estão em situação precária. De acordo com o Censo Escolar de 2015, o Brasil tem 3.085 escolas indígenas, com mais de 285 mil estudantes e cerca de 20.240 professores.

O projeto respeita a Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho, a OIT, que determina que a elaboração de políticas para os povos indígenas devem contar a participação de seus representantes. As 50 escolas vão atender comunidades localizadas nos municípios de Santa Isabel do Rio Negro, Barcelos e São Gabriel da Cachoeira, todos no Amazonas.

Reportagem, Cintia Moreira

 

 

 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.