BRASIL: Produtos de limpeza vão ter mensagens contra consumo indevido de água

SalvarSalvar imagem

REPÓRTER: As donas de casa que usam produtos de limpeza vão alertadas para economizar água nos trabalhos domésticos por meio por meio de mensagens nos rótulos das embalagens. A iniciativa está prevista em projeto de Lei aprovado pela Câmara dos Deputados. Quando passar a valer, a empresa que não cumprir a determinação pode ser penalizada com multas, retirada do produto do comércio e cassação do registro. O objetivo da medida é alertar a população para o desperdício e ao uso exagerado de água, como explica o deputado Federal, João Paulo Papa, do PSDB de São Paulo.
 
SONORA: João Paulo Papa, deputado do PSDB de São Paulo
 
"Este momento, em particular, em que o mundo inteiro vive um momento de aumento de demanda por água e crise hídrica, gerando os problemas que nós estamos vendo hoje em praticamente todas as regiões brasileiras, um projeto como esse, que impõe uma campanha a toda a população para o uso racional da água, é essencial. Não há que se dizer de aumento de custo em relação aos produtos. O fundamental é que a população se engaje num grande movimento pelo uso racional da água."
 
REPÓRTER: Antes de passar a valer, o projeto de Lei que permite a publicação de mensagens de alerta para o consumo indevido de água em rótulos de produtos de limpeza, precisa ser analisado no Senado.
 


Com Informações da Rádio Câmara, reportagem,Vânia Almeida

Receba nossos conteúdos em primeira mão.