Água Branca e cidades do sertão alagoano podem melhorar vida das crianças e adolescentes

Iniciativa estimula municípios a implementarem políticas públicas para diminuir as desigualdades e garantir os direitos de crianças e adolescentes

Salvar imagem

LOC: Água Branca, Canapi, Inhapi, Mata Grande e os municípios que fazem parte do Sertão Alagoano têm a oportunidade melhorar a qualidade de vida de crianças e adolescentes. É que as prefeituras podem se inscrever no Selo UNICEF, iniciativa que estimula e reconhece melhorias em ações direcionadas à infância e à adolescência. Embaixador do UNICEF no Brasil, o ator Lázaro Ramos faz um convite especial para os prefeitos da microrregião.

TEC./SONORA: Lázaro Ramos, ator.
“Prefeitos e prefeitas, esse convite é para vocês, mas também para conselheiros, lideranças comunitárias e todos que querem fazer a diferença na vida de cada criança e cada adolescente da sua cidade. As inscrições do Selo já começaram, para aderir ao Selo, basta ir ao site selounicef.org.br. Não perca essa oportunidade de fazer mais por e com nossas crianças e adolescentes. Junte-se a nós!”.

LOC.: Ao todo, 67 cidades alagoanas podem participar dessa edição do Selo UNICEF. Nos próximos quatros anos, os municípios inscritos deverão investir em práticas para melhorar a oferta e a qualidade de serviços de saúde, educação, assistência e participação social. O Selo UNICEF é uma certificação internacional com objetivo de mobilizar a sociedade, poder público e parceiros em reconhecimento aos avanços registrados pela infância e adolescência. As inscrições para a edição 2017-2020 estão abertas e podem ser feitas até 31 de julho. Os documentos para a inscrição podem ser acessados em selounicef.org.br. A iniciativa conta com o apoio de parceiros como Petrobras, Enel, Coelba, Celpe e Cosern no Semiárido, Neve, Energisa, Celpa e Cemar na Amazônia, e Amil e RGE nas duas regiões.

Reportagem, Tácido Rodrigues

 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.