JÚRI: Semana do Tribunal do Júri chega ao terceiro dia

Salvar imagem

REPÓRTER: A segunda Semana Nacional do Tribunal do Júri chega ao seu terceiro dia de trabalhos na capital e no interior do Estado do Pará. A iniciativa é do Conselho Nacional de Justiça, o CNJ, que prevê o julgamento de crimes dolosos contra a vida, como o homicídio, quando há intenção de matar. O juiz do 2º Tribunal do júri, Raimundo Moises Flexa, destaca os objetivos dos julgamentos.
 
SONORA: Juiz do 2º Tribunal do júri, Raimundo Moises.  
 
O aspecto maior do objetivo é a celeridade nesses julgamentos. A influência não é muito para os julgamentos da capital, porque a demanda é sempre grande. Todas as semanas elas estão fazendo júri. A demanda maior fica nas Comarcas do interior.”
 
REPÓRTER: Cerca de sessenta e uma unidades judiciárias em todo o Pará participam da segunda Semana Nacional do Tribunal do Júri. De acordo com o juiz Raimundo Moises Flexa, a demanda criminal no interior é grande.
 
SONORA: Juiz do 2º Tribunal do júri, Raimundo Moises.  
 
“Porque o juiz no interior ele nem só é juiz do Tribunal do Júri, onde  juiz efetivamente ele tira períodos para fazer esses julgamentos. Ele também é juiz da infância, é juiz do civil. A demanda do criminal é muito grande. É por essa razão efetivamente que se cria essas semanas pontuais e se faz sempre essas avaliações.”
 
REPÓRTER: A segunda Semana Nacional do Tribunal do Júri segue até a próxima sexta – feira, dia 17, onde está previsto que 161 processos de crimes contra a vida sejam levados a julgamento. Quinze sessões de júri serão realizadas pelas três Varas do Tribunal do Júri do Fórum de Belém, .
 

Reportagem, Storni Jr.

 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.