FREQUÊNCIA ESPORTIVA: Clubes podem recorrer a Lei Pelé para barrar golpe na CBF

Salvar imagem

Segundo, o presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, o artigo 22 da Lei Pelé pode ser usado para anular a reunião que tirou poderes dos clubes nas eleições da CBF. Ouça no Frequência Esportiva. 

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.