Cadastro de mídia

TERMO DE USO E PARCERIA

TERMO DE USO E PARCERIA

Regras de Uso

1º - A utilização gratuita e livre dos materiais produzidos pelo Brasil 61 só será permitida depois que este termo de parceria for aceito pelo usuário, prevendo as seguintes regras:

a) A utilização do material - na íntegra, ou em partes - só será permitida desde que as informações não sejam distorcidas, manipuladas ou alteradas.

b) Não é necessário a identificação do Brasil 61 na hora da replicação do conteúdo. Mas toda e qualquer veiculação de áudios produzidos pelo Brasil 61 prevê o cadastro no site, com a disponibilização de dados que serão utilizados para a organização do mailing desta empresa,

2º - OBRIGAÇÕES DO BRASIL 61

a) O Brasil 61 se compromete, a partir deste termo de uso, a produzir conteúdo particularizado diariamente, trazendo informações de dia-a-dia e bastidores do Planalto Central, além de outras temáticas de relevância do noticiário nacional. 

b) O acesso ao conteúdo jornalístico (na versão de leitura) é livre e gratuito, podendo ser replicado por qualquer usuário que acesse o site. O download do áudio para que seja utilizado na programação das rádios requer que o radialista realize o login no site da Agência do Rádio - informando e-mail e senha cadastrados. 

3º - OBRIGAÇÕES DOS COMUNICADORES PARCEIROS

Não alterar o sentido dos materiais, ou distorcer fala de entrevistados ou mudar a conotação das mensagens dos materiais. 

ADENDOS IMPORTANTES SOBRE A PARCERIA

a) O Brasil 61 poderá distribuir conteúdo patrocinado com ou sem assinatura dos clientes patrocinadores do boletim e sem aviso prévio ao comunicador. 

b) As rádios parceiras não vão ter participação financeira sobre o faturamento do Brasil 61.

c) Os comunicadores podem patrocinar os conteúdos do Brasil 61, desde que não alterem o sentido e a conotação dos conteúdos oferecidos. Nesses casos, o Brasil 61 Mais não terá participação nos lucros conquistados pelos veículos parceiros. 

Ao clicar em ACEITO, a emissora aqui cadastrada afirma concordar e estar ciente de todas as condições apresentadas neste Termo de Utilização de Conteúdo.

Foto: Divulgação

DIVERSÃO EM PAUTA: Clássico da literatura americana, “Adoráveis Mulheres” ganha adaptação encantadora para o cinema

Uma das apostas para o Oscar 2020, "Adoráveis Mulheres" entra em cartaz em todo o país no dia 9 de janeiro


Com um grande elenco e história cativante, o filme "Adoráveis Mulheres" chega aos cinemas nesta quinta-feira (9). A trama do longa é baseada no livro de mesmo nome da autora Louisa May Alcott, que foi lançado em 1868 e é considerado um grande clássico da literatura americana.

A história trata sobre o crescimento e amadurecimento das quatro irmãs Meg, Jo, Amy e Beth, entre os anos 1861 e 1865, durante a Guerra Civil Americana. Com a ausência do pai, que partiu para a guerra, as irmãs March e sua mãe precisam trabalhar e cuidar das tarefas de casa, além de tentar provar para todos que conseguem viver do jeito que bem entenderem. E assim como no livro, Jo é a irmã principal no filme, mas as histórias de cada uma se conectam no fim.

O roteiro e direção do filme são de Greta Gerwig, que conseguiu trazer a essência dessa história revolucionária sobre o papel da mulher na sociedade para a telona de forma clara e cativante. O uso exagerado de flashbacks, no entanto, deixa a dinâmica do filme cansativa, com cenas muito longas.

A atuação de Saoirse Ronan, que interpreta Jo, é impecável. A atriz, inclusive, já foi indicada em diversas premiações pelo papel. Laura Dern, Emma Watson, Timothée Chalamet e Meryl Streep também fazem parte desse grande elenco e enchem o filme de vida com suas atuações.

Com romance, muita cor e sentimentos à flor da pele, o longa, assim como o livro, apresenta quatro garotas que são fortes e admiráveis, e levanta questionamentos sobre feminismo, independência e família. Com certeza, é um filme para refletir e inspirar.

Uma das apostas para o Oscar 2020, "Adoráveis Mulheres" entra em cartaz em todo o país no dia 9 de janeiro.

Continue Lendo





Receba nossos conteúdos em primeira mão.

LOC.: Com um grande elenco e história cativante, o filme "Adoráveis Mulheres" chega aos cinemas nesta quinta-feira (9). A trama do longa é baseada no livro de mesmo nome da autora Louisa May Alcott, que foi lançado em 1868 e é considerado um grande clássico da literatura americana.

A história trata sobre o crescimento e amadurecimento das quatro irmãs Meg, Jo, Amy e Beth, entre os anos 1861 e 1865, durante a Guerra Civil Americana. Com a ausência do pai, que partiu para a guerra, as irmãs March e sua mãe precisam trabalhar e cuidar das tarefas de casa, além de tentar provar para todos que conseguem viver do jeito que bem entenderem. E assim como no livro, Jo é a irmã principal no filme, mas as histórias de cada uma se conectam no fim.

O roteiro e direção do filme são de Greta Gerwig, que conseguiu trazer a essência dessa história revolucionária sobre o papel da mulher na sociedade para a telona de forma clara e cativante. O uso exagerado de flashbacks, no entanto, deixa a dinâmica do filme cansativa, com cenas muito longas.

A atuação de Saoirse Ronan, que interpreta Jo, é impecável. A atriz, inclusive, já foi indicada em diversas premiações pelo papel. Laura Dern, Emma Watson, Timothée Chalamet e Meryl Streep também fazem parte desse grande elenco e enchem o filme de vida com suas atuações.

Com romance, muita cor e sentimentos à flor da pele, o longa, assim como o livro, apresenta quatro garotas que são fortes e admiráveis, e levanta questionamentos sobre feminismo, independência e família. Com certeza, é um filme para refletir e inspirar.

Uma das apostas para o Oscar 2020, "Adoráveis Mulheres" entra em cartaz em todo o país no dia 9 de janeiro.

Reportagem, Larissa Lago