Marcelo Camargo/Agência Brasil
Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ministério da Saúde recomenda uso de todas as vacinas em estoque

Vacinas contra a Covid-19 foram guardadas por estados e municípios para garantir a segunda dose às pessoas que já tomaram a primeira. Agora, porém, governo diz que novas remessas a serem entregues garantem que não é necessário estocar


O Ministério da Saúde recomendou que estados e municípios utilizem todas as vacinas em estoque para ampliar a quantidade de imunizados. As regiões estavam guardando os imunizantes para garantir a segunda dose às pessoas que já tomaram a primeira, mas o governo garantiu que as novas remessas a serem entregues são suficientes.

A decisão levou em conta a previsão de entregas semanais do Instituto Butantan e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que receberam a matéria-prima (IFA) importada para produção dos imunizantes, acelerando o processo e garantido a estabilização das distribuições aos estados por parte do ministério.

A recomendação também vale para as vacinas que foram entregues neste final de semana. A pasta estima a chegada mais recente de um total de 5 milhões de doses do Butantan e da AstraZeneca, produzidas pela Fiocruz.

Continue Lendo



Receba nossos conteúdos em primeira mão.

O Ministério da Saúde recomendou que estados e municípios utilizem todas as vacinas em estoque para ampliar a quantidade de imunizados.

As regiões estavam guardando os imunizantes para garantir a segunda dose às pessoas que já tomaram a primeira, mas o governo garantiu que as novas remessas a serem entregues são suficientes.

A decisão levou em conta a previsão de entregas semanais do Instituto Butantan e da Fiocruz, que receberam a matéria-prima importada para produção dos imunizantes, acelerando o processo e garantido a estabilização das distribuições aos estados por parte do ministério.

A recomendação também vale para as vacinas que foram entregues neste final de semana. A pasta estima a chegada mais recente de um total de 5 milhões de doses do Butantan e da AstraZeneca, produzidas pela Fiocruz.